Clique e assine a partir de 9,90/mês

No Equador, Barcos faz gol de pênalti ao ‘estilo Cruyff’

Atacante argentino com passagens por Grêmio e Palmeiras recebeu passe de Sherman Cárdenas e marcou pela LDU em cobrança em dois toques

Por Da redação - 19 out 2017, 17h26

Em 1982, Johan Cruyff eternizou um tipo inusitado de cobrança de pênalti. Na goleada de 5 a 0 do Ajax contra o Helmond, pelo Campeonato Holandês, o genial jogador, em vez de chutar ao gol, rolou para Jesper Olsen, que lhe devolveu para apenas empurrar para o gol. Era a repetição de um lance provavelmente inventado pelo belga Rik Coppens, em 1957, nas Eliminatórias para a Copa de 1958, em um tempo em que a cobertura do esporte pela televisão ainda era pequena. Ao longo dos anos, vários jogadores tentaram repetir o “pênalti de Cruyff” – alguns sem sucesso. 

Nesta quarta-feira, o ex-atacante de Palmeiras e Grêmio, Hernán Barcos, arriscou a jogada e marcou pelo Campeonato EquatorianoDefendendo a LDU Quito, Barcos marcou nos acréscimos do jogo contra o Fuerza Amarilla, quando já vencia por 2 a 1. Sherman Cárdenas, ex-Atlético-MG e Vitória, foi para a cobrança e rolou para o “Pirata” marcar. Confira, abaixo, as cobranças de Barcos e Cruyff.

Em 2016, Lionel Messi fez a jogada pelo Barcelona contra o Celta. Curiosamente, o argentino havia combinado o truque com Neymar, mas quem finalizou foi Luis Suárez.

Mas nem sempre a cobrança funciona. Em 2005, o francês Robert Pires tentou rolar para Thierry Henry, mas acabou se atrapalhando com a bola e perdeu a oportunidade do Arsenal contra o Manchester City.

Continua após a publicidade

Publicidade