Clique e assine a partir de 9,90/mês

Na volta aos treinos, três times ingleses registraram casos de coronavírus

As seis pessoas estão contaminadas precisarão passar por isolamento antes de retornarem às suas funções, que não foram divulgadas pela liga

Por Danilo Monteiro - 19 Maio 2020, 14h34

Três times ingleses tiveram seis casos positivos para coronavírus em resultado divulgado nesta terça-feira 19, no site do Campeonato Inglês. Ao todo, 748 jogadores e funcionários de 19 clubes foram testados, após acordo para retornar aos treinos nesta terça.

A Liga Inglesa não divulgou o cargo ou clube das seis pessoas contaminadas pelo vírus, que agora terão de cumprir sete dias de isolamento para retornar às atividades. Os testes foram feitos no último domingo e segunda-feira, para garantir a segurança da retomada dos treinamentos desta terça, ainda com pequenos grupos e sem contato físico, como prevê a primeira etapa do protocolo de saúde.

O Campeonato Inglês ainda não tem data para retornar, mas a previsão é de que seja retomado durante o mês de junho e finalizado em julho. Para garantir a segurança dos atletas e funcionários, a Premier League disponibilizará 40 000 testes de coronavírus até o final da atual temporada, caso haja retorno do campeonato. Os testes seriam realizados duas vezes por semana, além do monitoramento de sintomas.

A retomada da Premier League ainda não conta com o apoio total dos jogadores. O meia Troy Deeney, capitão do Watford, confirmou à emissora britânica BBC que não iria retornar aos treinos, pois teme pela vida de seu filho de cinco meses, que tem problemas respiratórios.

“Meu filho tem apenas cinco meses, não quero colocá-lo em risco. Não posso sair para cortar o cabelo até julho, mas posso entrar em uma área, com 19 jogadores, para tentar um cabeceio? Ninguém responde esse questionamento, não porque não querem, mas porque falta informação”, declarou.

Continua após a publicidade
Publicidade