Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mundial de Clubes: Al Ain se classifica com defesas de goleiro ‘baixinho’

Jogando em casa, time dos Emirados Árabes Unidos derrotou o Team Wellington, da Nova Zelândia, nos pênaltis, após estar perdendo por 3 a 0

Campeão dos Emirados Árabes Unidos, o país-sede do torneio, o Al Ain se classificou às quartas de final do Mundial de Clubes ao vencer o Team Wellington, da Nova Zelândia, na tarde desta quarta-feira, 12, em seu estádio, com direito a drama.  O time neo-zelandês chegou abrir 3 a 0, mas sofreu o empate em 3 a 3 e acabou derrotado nos pênaltis.

No tempo normal, o time neo-zelandês abriu boa vantagem ainda no primeiro tempo, aos 11, aos 15 e aos 44 minutos, com gols de Barcia, Clapham e Ilich.  O Al Ain descontou com Shiotani, nos acréscimos. No segundo tempo, logo aos quatro minutos, Doumbia fez o segundo gol do time dos Emirados Árabes Unidos. O empate veio aos 40, com seu atleta mais famoso, o sueco Marcus Berg.

Na prorrogação, nenhum time marcou e o Al Ain ainda perdeu Abdulrahman, expulso no último minuto de jogo. Nos pênaltis, a equipe da casa venceu por 4 a 3, com duas defesas do goleiro Khalid Eisa, de 1,78 metro de altura (baixo para os padrões atuais da posição). O brasileiro Caio Fernandes, com passagem pela base do São Paulo, converteu o quinto pênalti da equipe dos Emirados Árabes.

Classificado para as quartas de final, o Al Ain enfrentará o campeão africano, Espérance Tunis, da Tunísia, no dia 15, também na cidade de Al Ain.