Clique e assine a partir de 9,90/mês

Monterrey é campeão da Concacaf e aguarda definição da Fifa sobre Mundial

Torneio organizado pela Fifa no mês de dezembro ainda não tem datas nem local para acontecer em 2019

Por Da redação - Atualizado em 30 jul 2020, 19h48 - Publicado em 2 Maio 2019, 10h45

O Monterrey, do México, conquistou a Liga dos Campeões da Concacaf na noite desta quarta-feira, 1, ao empatar em 1 a 1 com seu rival local Tigres, na decisão. Como havia vencido a primeira partida por 1 a 0, o Monterrey foi campeão pela quarta vez (2010/11, 2011/12, 2012/13 e 2019), e deve ser o representante Américas Central e do Norte no Mundial de Clubes de 2019. O torneio, no entanto, ainda não foi confirmado no calendário da Fifa, que tem novos planos para a competição.

O desejo da entidade é transformar o Mundial de Clubes em um torneio com formato de Copa do Mundo, a cada quatro anos, com 24 clubes, campeões continentais dos anos anteriores. O primeiro Mundial com esse formato seria disputado em 2021.

Gigantes europeus como Real Madrid, Barcelona, Juventus e Bayern de Munique já anunciaram que boicotarão o “novo Mundial” caso ele seja aprovado. Enquanto não monta e oficializa o novo torneio, a Fifa informou que manterá o formato atual em 2019 e 2020, mas ainda não marcou datas nem país-sede, o que aumenta o clima de incerteza.

China e Marrocos se candidataram para sediar o torneio de 2019, que, a princípio, seguirá sendo disputado entre os seis campeões continentais e o campeão do país-sede. Por enquanto, apenas o Monterrey está com vaga assegurada. África, América do Sul, Ásia, Europa e Oceania ainda não definiram os campeões.

Continua após a publicidade

Em anos anteriores, o Monterrey conquistou um terceiro lugar, em 2012, e duas vezes uma quinta colocação, em 2011 e 2013. Na Champions da Concacaf deste ano, disputada toda no sistema de mata-mata, o clube mexicano passou pelo Alianza (El Salvador), Atlanta United (Estados Unidos) e Sporting Kansas City (Estados Unidos) antes de derrotar o Tigres na decisão.

Publicidade