Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Mineirão divulga imagens de destruição após rebaixamento do Cruzeiro

Banheiros, bebedouros e televisões foram vandalizados em meio ao conflito entre torcedores e policiais na derrota por 2 a 0 para o Palmeiras

Por Da Redação - Atualizado em 8 dez 2019, 23h41 - Publicado em 8 dez 2019, 23h01

A administração do estádio do Mineirão divulgou na noite deste domingo, 8, imagens da destruição provocada por torcedores do Cruzeiro após a confirmação do rebaixamento da equipe para a Série B do Campeonato Brasileiro. O time teve a queda sacramentada após ser derrotado por 2 a 0 pelo Palmeiras.

O resultado fez torcedores entrarem em conflito com policiais durante o jogo. O conflito forçou o árbitro a encerrar a partida antes do horário previsto por falta de segurança. Cadeiras foram arremessadas por cruzeirenses no campo, enquanto policiais lançaram bombas e balas de borracha para dispersar a torcida.

Um levantamento inicial aponta que 32 pessoas ficaram feridas no conflito. Três torcedores foram detidos pela polícia.

Pelo Twitter, a administração do Mineirão fez um desabafo com relação aos atos de vandalismo provocados nas dependências internas do estádio. Foram divulgadas fotos de banheiros, bebedouros e televisores destruídos.

Publicidade

Ver um mineiro rebaixado é muito ruim. Mas o mais dolorido foi ver os torcedores apaixonados que costumam vibrar na arquibancada, se transformarem em vândalos”, publicou o perfil do estádio. “É importante a sociedade refletir sobre o comportamento do torcedor. Torcemos por um 2020 diferente.”

O Cruzeiro disputará a Série B do Campeonato Brasileiro pela primeira vez em sua história. O rebaixamento do clube mineiro garantiu a permanência do Ceará na elite do futebol nacional.

Publicidade