Clique e assine a partir de 9,90/mês

Messi comenta boato de que teria pago fiança de Ronaldinho no Paraguai

O craque argentino também negou que está negociando ida para a Inter de Milão; advogado do brasileiro disse a VEJA que foi o ex-jogador quem pagou a fiança

Por Danilo Monteiro - Atualizado em 9 Apr 2020, 17h39 - Publicado em 9 Apr 2020, 17h17

O argentino Lionel Messi usou suas redes sociais nesta quinta-feira 9 para desmentir o boato de que teria pago a fiança para tirar Ronaldinho Gaúcho da prisão no Paraguai. O atacante do Barcelona disparou contra uma publicação do canal TNT Sports da Argentina, que levantou a possibilidade de ele ter efetuado o pagamento de 1,6 milhão de dólares (cerca de 8,1 milhões de reais) da fiança, que, segundo o veículo, saiu de uma conta em Barcelona.

Sergio Queiroz, advogado de Ronaldinho e seu irmão, Roberto Assis, confirmou a VEJA que a quantia saiu de uma conta particular do ex-jogador da seleção brasileira fora do Brasil.

“Fake news. O que disseram neste mesmo periódico sobre o Newell’s, há algumas semanas, também era falso. Menos mal que ninguém acredita neles”, esbravejou Messi, ao se referir à especulações sobre uma possível ida ao Newell’s Old Boys, clube no qual é torcedor.

A televisão argentina, na mesma publicação, cravou que Messi iria para a Inter de Milão, fato também negado pelo camisa 10 do Barça. As especulações cresceram na última semana, quando o presidente da Inter, Massimo Moratti, admitiu que o clube tem interesse na contratação de Messi para a próxima temporada.

Lionel Messi desmente informações em suas redes sociais Reprodução/Instagram
Publicidade