Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Maradona será embaixador do futebol chinês

Ex-jogador argentino promete ajudar o futebol chinês a se desenvolver

Depois de transferências milionárias para fortalecer o futebol e da contratação de David Beckham para ser assessor técnico, a Federação Chinesa de Futebol anunciou um novo embaixador nesta quinta-feira: o ídolo argentino Diego Armando Maradona.

“Obrigado senhora Tang Qinghui (sua empresária no país asiático) pela oportunidade que me dá de trabalhar na China. Estou extremamente agradecido”, escreveu o campeão da Copa do Mundo de 1986. A mensagem que está escrita em três línguas (espanhol, italiano e inglês) vem acompanhada de uma foto de Maradona segurando uma bandeira da China.

O advogado do ex-jogador e ídolo argentino, Matias Morla, já explicou que o contrato de Maradona com a Super Liga Chinesa prevê que ele promova o futebol local. “Diego seria encarregado de palestrar em diferentes escolas, é um projeto importantíssimo e que sem dúvidas poderia marcar um antes e um depois numa potência como a China”, revelou o advogado quando soube do interesse dos chineses no ex-jogador.

O acordo veio um mês após Maradona anunciar que assumiu um trabalho na Fifa para ajudar a tornar a instituição a se tornar “limpa e transparente”.

No Campeonato Chinês deste ano, dois argentinos estão entre as principais estrelas da liga. Ezequiel Lavezzi é atacante do Hebei China Fortune, ao lado de Aloísio e Hernanes, e Carlos Tevez joga pelo Shanghai Shenhua, com o maior salário do país.

(com Gazeta Press)