Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mapa da Copa América: México é o país que mais cedeu atletas

Dos 23 convocados da seleção brasileira, 20 atuam na Europa, o continente com mais jogadores cedidos para o torneio

Mesmo sem estar entre os participantes da Copa América, o México foi o país cuja liga cedeu mais jogadores para as seleções que disputam o torneio a partir desta sexta-feira, 14, no Brasil. São 28 jogadores em oito das doze seleções que disputam o torneio em 2019. Apenas Brasil, Catar, Japão e Venezuela não têm jogadores em atividade no México.

O continente com mais jogadores na Copa América de 2019 é o europeu, com 104 dos 276 jogadores inscritos, representando 37,6% do total. As seleções com mais jogadores “europeus” são a brasileira (20), a uruguaia (16), a argentina (15) e a colombiana (14). Apenas Bolívia e Catar não têm jogadores no futebol europeu. Por outro lado, o Catar é a única seleção que disputa o torneio que tem todos seus jogadores atuando na liga local.

Treze jogadores que disputarão a Copa América atualmente jogam no Brasil. O Corinthians cedeu Cássio e Fagner, da seleção brasileira; o Grêmio cedeu Everton, também do Brasil; o São Paulo tem Arboleda, na seleção equatoriana; o Botafogo tem Gatito Fernández, na seleção paraguaia; o Palmeiras cedeu o zagueiro Gustavo Gómez, para o Paraguai; e o Internacional terá Paolo Guerrero na seleção peruana. Santos e Flamengo são os times brasileiros com mais jogadores na Copa América: três cada. Os paulistas terão Derlis González (Paraguai), Christian Cueva (Peru) e Yeferson Soteldo (Venezuela), enquanto os cariocas terão De Arrascaeta (Uruguai), Miguel Trauco (Peru) e Gustavo Cuéllar (Colômbia). Todas as ligas da América do Sul terão ao menos um representante cada.

Veja a tabela completa da Copa América

Veja abaixo onde jogam os atletas que disputam a Copa América de 2019.