Clique e assine a partir de 9,90/mês

Manchester United anuncia ida de Schweinsteiger para os EUA

O Chicago Fire, novo time do alemão, fez a pior campanha na MLS em 2016

Por Da redação - 21 mar 2017, 11h48

O meio-campista alemão Bastian Schweinsteiger deixou o Manchester United, após passar meses encostado pelo técnico José Mourinho. Nesta terça-feira, o clube inglês anunciou que o jogador campeão mundial em 2014 jogará pelo Chicago Fire, clube que disputa a Major League Soccer (MLS), a principal liga de futebol dos Estados Unidos.

O jogador de 32 anos já realizou exames médicos e teve seus feitos na carreira exaltados no comunicado oficial do Chicago Fire. O clube, que conta com o volante brasileiro Juninho, ex-São Paulo, teve a pior campanha entre 20 participantes da última edição da MLS. O técnico da equipe é o sérvio Veljko Paunovic, ex-jogador do Atlético de Madri.

De acordo com o jornal “Chicago Tribune“, assinou contrato de um ano por 4,5 milhões de dólares (cerca de 14 milhões de reais), e se tornou um dos 10 jogadores mais bem pagos da liga. Ídolo do Bayern de Munique, pelo qual atuou entre 2002 e 2015, Schweinsteiger teve poucas chances no Manchester United, sobretudo após a chegada do técnico José Mourinho, que não o inscreveu para a Liga Europa. Nas redes sociais, o alemão se despediu da torcida e dos ex-companheiros de United. “Nunca esquecerei meu período no clube, mas é hora de uma mudança.”

View this post on Instagram

Thanks to all fans, the whole staff and my teammates of @manchesterunited! I will never forget my time with the club, but now it’s time for a change!

A post shared by Bastian Schweinsteiger (@bastianschweinsteiger) on

(com EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade