Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Liverpool vence Chelsea nos pênaltis e fatura a Supercopa da Europa

Duelo inglês em Istambul terminou empatado em 2 a 2; nas penalidades, o goleiro Adrián, substituto do lesionado Alisson, garantiu a taça

O Liverpool é o rei do Velho Continente em 2019. Em um duelo inglês envolvendo os campeões da Liga dos Campeões e da Liga Europa, o clube do atacante brasileiro Roberto Firmino, autor de duas assistências, bateu o Chelsea nas penalidades, após empate em 2 a 2, e ergueu a taça em Istambul, na Turquia.

O jogo foi equilibrado no tempo normal e na prorrogação. O francês Olivier Giroud marcou o primeiro no estádio do Besiktas, mas o senegalês Sadio Mané empatou no começo do segundo tempo, após belo passe de Firmino. A tabelinha voltou a funcionar no tempo extra e novamente Mané balançou as redes. De pênalti, o brasileiro naturalizado italiano Jorginho empatou para o Chelsea.

Sem o brasileiro Alisson, lesionado, quem brilhou nas penalidades foi o goleiro espanhol Adrián, recentemente contratado junto ao West Ham, que defendeu a cobrança de Abraham e garantiu a conquista do Liverpool com o placar de 5 a 4. O jogo foi apitado pela francesa Stéphanie Frappart, de 35 anos, a primeira árbitra principal a trabalhar numa final europeia masculina.

Este foi o o quarto troféu de Supercopa do Liverpool, campeão também em 1977, 2001 e 2005. Já o clube de Londres, vencedor em 1998, amargou seu terceiro vice-campeonato depois das frustrações de 2012 e 2013. Nas duas ocasiões, Frank Lampard, atual treinador do Chelsea, era o capitão da equipe.