Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Façanha argentina: Grêmio leva gols no fim e River chega à final da Libertadores

Em jogo quente e com polêmicas do VAR, clube argentino venceu por 2 a 1 em Porto Alegre e alcançou a decisão

River Plate buscará o tetracampeonato da Copa Libertadores. O clube argentino marcou dois gols no fim e eliminou o Grêmio na semifinal com uma vitória por 2 a 1, em Porto Alegre, em jogo emocionante e marcado por polêmicas com o árbitro de vídeo. A regra dos gols fora de casa decidiu o confronto, já que o Grêmio havia vencido o primeiro jogo em Buenos Aires por 1 a 0.

O River pressionou o atual campeão desde o início do jogo, mas o Grêmio terminou o primeiro tempo na frente com gol de Leonardo, aproveitando sobra com um belo chute da entrada da área. O clube tricolor ainda teve chance de matar o jogo com Everton, que perdeu chance clara, frente a frente com o goleiro Armani, no segundo tempo.

O tradicional clube portenho, no entanto, conseguiu a incrível virada com gols controversos. Rafael Borré, aos 38 do segundo tempo, fez em dividida de cabeça em que a bola acabou tocando em seu braço. O segundo veio em pênalti de Bressan, por toque de mão, assinalado com auxílio do VAR, já nos minutos finais. Gonzalo “Pity” Martínez cobrou e colocou o River na decisão, para protesto dos gremistas.

Na decisão, o River enfrentará Palmeiras ou seu maior rival, o Boca Juniors, que se enfrentam na outra semifinal em São Paulo, na quarta. O time argentino tem vantagem por ter vencido o jogo de ida por 2 a 0, na Bombonera.

Narração Minuto a Minuto