Clique e assine a partir de 9,90/mês

Libertadores: Flamengo encara o Peñarol em ‘decisão’ no Uruguai

Clube carioca precisa ao menos de um empate para evitar nova eliminação na primeira fase

Por Da redação - Atualizado em 8 Maio 2019, 15h44 - Publicado em 8 Maio 2019, 13h58

Em um clima de verdadeira decisão, o Flamengo visita o Peñarol nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Estádio Campeón del Siglo, em Montevidéu, no Uruguai, em choque válido pela última rodada do Grupo D da Copa Libertadores. O jogo será transmitido pela TV Globo para todo o Brasil (exceto para São Paulo e Paraná) e pelo SporTV. 

Os dois times dividem a liderança com nove pontos, mas o Flamengo, em caso de empate, se classifica por levar vantagem nos critérios de desempate. No entanto, caso seja derrotado, o time brasileiro corre risco de ser eliminado, pois a LDU do Equador, que soma sete pontos, vai avançar se vencer o San José da Bolívia, em Quito.

Tabela e classificação da Libertadores

Apesar da vantagem do empate, o técnico Abel Braga, que dificilmente será mantido no cargo em caso de eliminação, prometeu um time ofensivo.

“Não vamos mudar nossa forma de jogar. O Peñarol foi muito feliz no jogo do Rio. Houve uma expulsão rigorosa demais. Se terminasse empatado, manteríamos os três pontos de diferença e estaríamos classificados. Não sei como virão, mas nós não vamos mudar. Não vou botar mais volante, mais zagueiro. Se a gente encolher, vai ser complicado. Eles vão ter que sair mais pro jogo do que no Rio de Janeiro”, disse o treinador, se referindo à derrota de 1 a 0 para o Peñarol no Maracanã.

“Nós precisamos jogar com tranquilidade, porém, sem abrirmos mão da agressividade do nosso estilo de jogo”, complementou o atacante Bruno Henrique.

Para este jogo o Flamengo não poderá contar novamente com o goleiro Diego Alves, vetado por conta de uma lombalgia. Assim, César será mantido no posto.

Continua após a publicidade

Se o Flamengo chega ao jogo com um clima de incertezas e com a comissão técnica sendo cobrada, o Peñarol vem na liderança do Campeonato Uruguaio e apostando em um estádio cheio para conseguir ganhar.

“Nós não precisamos ir a campo achando que temos cinco minutos para ganharmos o jogo. Temos que trabalhar a bola com inteligência, encontrando os melhores espaços”, disse o treinador Diego López.

O Peñarol conta com força máxima neste duelo, mas a escalação só será revelada minutos antes da partida. O destaque do time continua sendo o experiente Cristian “Cebola” Rodríguez, de 33 anos, meia com passagens por Porto, Atlético de Madri e Grêmio.

Pelo regulamento da fase de grupos da Copa Libertadores, os times se enfrentam em turno e returno dentro de suas respectivas chaves e os dois primeiros colocados se garantem nas oitavas de final. Os terceiros colocados, como “prêmio de consolação”, passam para a segunda etapa da Copa Sul-Americana.

Prováveis escalações

Peñarol: Kevin Dawson, Fabricio Formiliano, Cristian Lema, Giovanni González e Lucas Hernández; Walter Gargano, Guzmán Pereira e Cristian Rodríguez; Brian Rodríguez, Darwin Núñez e Gabriel Fernández; Técnico: Diego López

Flamengo: César, Pará, Rodrigo Caio, Léo Duarte e Renê; Gustavo Cuéllar, Willian Arão, Everton Ribeiro e De Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabigol; Técnico: Abel Braga

Continua após a publicidade
Publicidade