Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
CLIQUE E RECEBA A REVISTA EM CASA A PARTIR DE R$14,90/MÊS Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90

Libertadores: Flamengo bate Defensa y Justicia na estreia de Renato Gaúcho

Gol de Michael garantiu o triunfo rubro-negro na Argentina no primeiro jogo das oitavas de final

Por Da Redação 14 jul 2021, 23h23

O Flamengo não jogou bem, mas obteve um bom resultado na abertura do mata-mata da Copa Libertadores ao vencer o Defensa y Justicia, da Argentina, por 1 a 0, em Buenos Aires, na noite desta quarta-feira, 14, pelo jogo de ida das oitavas de final. O jogo foi decidido com um gol de Michael e marcou a estreia do técnico rubro-negro Renato Gaúcho.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

Em seu primeiro jogo como substituto do demitido Rogério Ceni, Renato não teve Arão (suspenso), Diego, Rodrigo Caio e Bruno Henrique (machucados), mas contou com o retorno de Gabriel Barbosa, de volta após disputar a Copa América pela seleção brasileira. O Defensa y Justicia, campeão da Recopa Sul-Americana diante do Palmeiras, por sua vez, não atuava desde maio e negociou jogadores importantes, como o atacante Braian Romero, que foi para o River Plate.

A primeira etapa foi pouco empolgante, mas o Flamengo chegou ao gol em chute de Michael, que ganhou vaga no ataque após se destacar no Brasileirão. A bola ainda desviou em Adonis Frías e entrou. O time argentino teve boa chance aos 42 minutos, mas o goleiro Diego Alves fez boa defesa em chute de Carlos Rotondi.

O organizado time dirigido por Sebastián Beccacece melhorou no segundo tempo e criou uma série de oportunidades. Aos 15 minutos, Rotondi invadiu a área livre e bateu cruzado, mas a bola passou raspando a trave. Pouco depois, Frías bateu falta com perigo e novamente a bola passou perto da meta rubro-negra. Aos 22 minutos, Hachen chutou colocado e Diego Alves fez boa defesa para manter o Flamengo na frente. O atual bicampeão brasileiro respondeu com Gabigol, que parou em defesa do goleiro Luís Unsaín.

O Defensa seguiu pressionando, mas não conseguiu chegar ao gol. No jogo de volta, na próxima quarta-feira, 21, no Maracanã, o Flamengo joga por um empate para avançar às quartas de final.

Continua após a publicidade
Publicidade