Libertadores: Atlético-PR estreia na fase de grupos sem Grafite

Suspenso, atacante não enfrenta a Universidad Católica, em Curitiba, nesta terça

Por da redação - Atualizado em 7 mar 2017, 08h53 - Publicado em 7 mar 2017, 08h51

Depois de superar Millonarios e Deportivo Capiatá nas fases preliminares, o Atlético-PR estreará nesta terça-feira na fase de grupos da Copa Libertadores da América sem seu principal atacante, Grafite. O jogador de 37 anos, que disputou o último Campeonato Brasileiro pelo Santa Cruz, levou três cartões amarelos nas etapas preliminares da competição e, por isso, não estará em campo contra a Universidad Católica, do Chile, às 21h (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba.

O técnico Paulo Autuori não revelou quem será o substituto de Grafite. Nesta segunda-feira, ele permitiu que a imprensa acompanhasse somente 15 minutos do treino, sem dar pistas sobre os titulares. O mais provável é que o meia Felipe Gedoz entre na equipe, com Pablo atuando como único atacante. O brasileiro naturalizado croata Eduardo da Silva, recém-contratado, ainda não tem condições físicas para jogar.

A última participação do Atlético na Libertadores aconteceu em 2014. Naquela ocasião, o clube paranaense não conseguiu passar pela fase de grupos, tendo sido superado em sua chave por Vélez Sarsfield, da Argentina, e The Strongest, da Bolívia. Sua melhor campanha aconteceu em 2005, quando chegou à decisão e foi derrotado pelo São Paulo. 

(com Estadão Conteúdo)

Publicidade