Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Leonardo Silva, o xerife mineiro

Jogador é zagueiro-artilheiro das Minas Gerais

Se existe algo que é comum a todos os esportes é a rivalidade. E, no futebol brasileiro, isso é aguçado em cada estado. Minas Gerais, por exemplo, praticamente é dividida ao meio por atleticanos e cruzeirenses. Isso, no entanto, não impede que alguns jogadores que defendem um dos lados, mudem para os rivais depois de um tempo, ou logo em seguida. Assim foi com Leonardo Silva.

O zagueiro, que hoje tem 36 anos, chegou à capital mineira em 2009, para defender primeiramente o Cruzeiro, emprestado pelo Palmeiras, teve uma boa passagem, foi titular e revezou inclusive a braçadeira de capitão com o goleiro Fábio. Porém, após uma grave lesão, jogador e clube não se entenderam na hora de renovar o contrato. A solução foi mudar de ares, justamente para atuar no maior rival.

Em 2011, fez sua estreia com a camisa do Atlético, justamente contra o Cruzeiro, pelo Campeonato Mineiro. Nesses cinco anos, muita coisa mudou em sua vida. Atualmente ele é o defensor com mais gols pelo Galo, com 27. Também participou daquela que é a melhor fase do time na história, desde 2012, e que perdura até os dias de hoje. Foram sete títulos ao longo desse tempo. Se no lado azul ele não tem o status de ídolo, no lado alvinegro é considerado por muitos como um dos maiores zagueiros da história.

Tem presença marcante em quase todos os jogos, muito por conta de seu preparo físico. O torcedor atleticano nem se lembra de que um dia seu xerife foi azul, assim como o torcedor celeste não guarda mágoas por hoje ele brilhar do outro lado de Belo Horizonte. Mérito do jogador, que sempre foi um exemplo de profissionalismo e respeito. Também não é exagero se o considerarmos como um dos maiores zagueiros do futebol brasileiro atualmente. Assim como um bom vinho, Léo Silva foi melhorando tecnicamente ao longo do tempo. Minas dividiu com gosto essa garrafa e não há pressa nenhuma para esse vinho.

LEONARDO SILVA EM MINAS

2009 – Cruzeiro – 6 gols2010 – Cruzeiro – 1 gol2011 – Atlético-MG – 6 gols2012 – Atlético-MG – 6 gols2013 – Atlético-MG – 3 gols2014 – Atlético-MG – 3 gols2015 – Atlético-MG – 6 gols2016 – Atlético-MG – 3 golsTotal – 34 gols

Em Brasileiros é o 2° maior zagueiro-artilheiro, com 26 gols, perdendo para Antônio Carlos (28). É o maior zagueiro-artilheiro do Atlético-MG, com 27 gols, superando Réver (22).