Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Leonardo critica oferta do Barcelona por Neymar: ‘Hoje não há acordo’

Dirigente brasileiro do PSG, no entanto, se mostrou disposto a seguir negociando, a três dias do fim da janela de transferências

O diretor esportivo do Paris Saint-Germain, Leonardo, é uma figura chave nas negociações com o Barcelona para a possível transferência de Neymar. Nesta sexta-feira, 30, o ex-jogador brasileiro declarou que a situação com o clube catalão segue indefinida, a três dias do fechamento da janela do mercado europeu, mas se manteve aberto a novas propostas.

“Hoje, com o que pedimos e com o que recebemos de proposta, não há acordo. Não sei (se haverá um acordo antes de segunda-feira à noite, encerramento do mercado). Depende do Barcelona. Estamos abertos para conversar”, afirmou o dirigente. “Sempre dissemos que ele sairia se houvesse uma proposta satisfatória, mas não houve.”

O dirigente criticou a demora do Barcelona para fazer uma oferta oficial, o que reduziu o tempo de incluir outros atletas como possíveis “moedas de troca” e, sobretudo, convencê-los a entrar na negociação.

“Nossa posição sempre foi clara. Eles sabiam o que queríamos. Uma primeira proposta foi recebida em 27 de agosto, cinco dias antes do final do evento de transferência. Estivemos abertos para falar sobre outros jogadores, para fazer a transação. Mas nunca tivemos um acordo escrito, não aceitaram as nossas condições”, explicou Leonardo.’

Neymar tem treinado com o PSG mas não será escalado por Thomas Tuchel até que sua situação no clube fique clara, conforme explicou o próprio técnico alemão. Sem o camisa 10, e também sem os lesionados Kylian Mbappé e Edinson Cavani, o Paris Saint-Germain venceu o Metz nesta sexta por 2 a 0 fora de casa, na partida que abriu a quarta rodada da Ligue 1 francesa.