Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lazio é punida por cantos racistas de seus torcedores

Setor destinado à torcida organizada do clube romano será fechado por duas partidas

Um setor do Estádio Olímpico de Roma, conhecido como Curva Nord – que é ocupado por torcedores organizados da Lazio – ficará fechado, sem público, nas duas próximas partidas como mandante do clube, no Campeonato Italiano, como punição aos cânticos racistas entoados pela torcida. O local ficará fechado nos duelos contra o Cagliari, em 22 de outubro, e a Udinese, em 5 de novembro.

O incidente aconteceu no último domingo, durante a vitória da Lazio por 6 a 1 sobre o Sassuolo. Os cantos discriminatórios foram direcionados a dois jogadores negros do time visitante, Claud Adjapong e Alfred DuncanAdjapong é nascido em Módena, é filho de ganeses e defendeu a seleção italiana sub-19 e sub-21. Já Duncan possui passagens pela seleção principal de Gana.

Nos últimos anos, a Lazio recebeu diversas multas e punições com fechamento total ou parcial do Estádio Olímpico por causa de incidentes racistas envolvendo membros da sua torcida. Na semana passada, o time venceu o Zulte Waregem, da Bélgica, por 2 a 0 em uma partida válida pela Liga Europa com os portões fechados,  devido a uma punição da Uefa por ofensas racistas a um jogador do Sparta Praga no último torneio continental disputado pela equipe, há duas temporadas.

(com Estadão Conteúdo)