Clique e assine a partir de 9,90/mês

Klopp e Guardiola são contra o Dezembro agitado do Campeonato Inglês

Os dois técnicos mais relevantes da melhor liga de futebol do mundo vociferaram contra o curto intervalo entre uma partida e outra no período de festas

Por Alexandre Salvador - Atualizado em 26 dez 2019, 18h53 - Publicado em 26 dez 2019, 12h43

A tradição do Boxing Day, algo como “Dia do Encaixotamento”, remonta a Era Vitoriana do Século XIX, quando a nobreza da Inglaterra preenchia caixas com as sobras de comida e bebida natalinas e as oferecia aos empregados no dia seguinte ao feriado. Em tempos mais atuais, o dia 26 de dezembro representa duas coisas: os saldões do comércio inglês e as partidas de futebol. Tornou-se tradicional a rodada de jogos em todas as divisões da Inglaterra. E a tão celebrada Premier League, que hoje é considerada o melhor campeonato nacional do mundo, oferece um dia inteiro de disputas.

Confira a classificação do Campeonato Inglês

Em 2019, a tabela reservou uma partida especialíssima para o pós-Natal: Leicester x Liverpool, o confronto entre o segundo colocado e o líder do Campeonato Inglês, respectivamente. Marcado para às 17h (horário de Brasília), o jogo pode dar ao mais novo campeão do mundo uma vantagem folgada de 13 pontos na ponta da tabela. Seu time, porém, deverá entrar em campo já no próximo domingo 29, contra o Wolverhampton. Mesma sorte não teve o atual campeão Manchester City, que jogará nos dias 26 e 28. É contra a falta de descanso que Klopp e outros treinadores se rebelaram.

“Não há razão para que mais equipes não tenham mais de 48 horas entre um jogo e outro. Nenhum dos técnicos vêem problema em entrar em campo no Boxing Day, mas jogar nos dias 26 e 28 é um crime. Neste ano, jogaremos nos dias 26 e 29. É como se fossem férias”, disse técnico do Liverpool na véspera do jogo contra o Leicester. “O corpo precisa de uma quantidade específica de tempo para voltar a funcionar normalmente. Mas isso foi completamente ignorado.”

O técnico do City, o espanhol Pep Guardiola, também deu sua alfinetada nos organizadores da competição. “Escrevi uma carta para a Premier League dizendo obrigado”, ironizou Pep, ao lembrar que dois dias após o jogo contra o Wolverhampton terá que encarar o Sheffield United. “Vamos para a geladeira após enfrentar os Wolves para nos prepararmos para o próximo jogo”, finalizou o treinador, provando que até mais bem gerido campeonato do mundo têm dias de futebol brasileiro.

Publicidade