Clique e assine a partir de 9,90/mês

Jorge Jesus elogia Klopp e garante Flamengo ofensivo contra o Liverpool

Técnico português diz que sua intenção é proporcionar um "espetáculo", e que sua equipe busque o gol a todo instante

Por EFE - Atualizado em 20 dez 2019, 17h22 - Publicado em 20 dez 2019, 17h18

O técnico do Flamengo, Jorge Jesus, elogiou o treinador do Liverpool, Jürgen Klopp, e afirmou que o time rubro-negro manterá o estilo de jogo ofensivo na decisão do Mundial de Clubes no sábado. Para o português, os finalistas estão “em outro patamar” e no meio de um processo para recuperar o “prestígio internacional”.

“Klopp é um dos grandes técnicos do mundo. Sei que viu partidas minhas em Portugal e consegue analisar essas particularidades. É um criador. Sua equipe joga com um 4-3-3 diferente. Ele é diferenciado”, disse o treinador em entrevista coletiva em Doha, no Catar.

Jesus comentou que o atual campeão europeu tem um elenco superior, mas se mostrou confiante de que será possível fazer um jogo equilibrado. “A diferença é que os europeus têm os melhores jogadores do mundo. O Flamengo não tem os melhores jogadores do mundo, mas tem bons jogadores, conseguiu contratações de alto nível no Brasil, mas não tem comparação. Vamos enfrentar um campeão da Champions, são os melhores. O Flamengo pode equilibrar taticamente”, explicou.

De acordo com o treinador, a equipe não abdicará do jogo de “buscar sempre o gol” com a intenção de fazer um “espetáculo”. “O Liverpool é o melhor clube da Europa, falta ser considerado o melhor do mundo. Nós também estamos diante da mesma oportunidade”, argumentou.

Continua após a publicidade

Questionado sobre o possível duelo entre o zagueiro Virgil van Dijk, que é dúvida para a final, e o atacante Gabriel Barbosa, Jesus declarou que o holandês “é um dos melhores defensores do mundo, mas tem pontos fracos”. “E Gabigol é um grande atacante, difícil de ser marcado. Creio que será um grande espetáculo. Os jogadores do Flamengo vão correr como nunca correram, assim como os do Liverpool”, frisou.

Publicidade