Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jogadores do Real Madrid defendem Bale após vaias da torcida

Toni Kroos e Casemiro rebatem críticas dos fãs do clube espanhol ao jogador galês, após sequência de jogos ruins na temporada

Em má fase no Real Madrid, o meia Gareth Bale foi vaiado no fim da partida do clube espanhol contra o Apoel, em partida pelo grupo H da Liga dos Campeões da Europa, e que foi vencida pelos madrilenhos por 3 a 0. No entanto, alguns companheiros de equipe defenderam a atuação do jogador, principalmente o alemão Toni Kroos, que afirmou à imprensa espanhola que o atleta fez uma boa atuação na última quarta-feira.

“Estamos no Real Madrid e todos os torcedores exigem sempre o melhor de cada jogador. No Real Madrid as vaias acontecem algumas vezes, mas o Bale não merece. Nem ele e nenhum outro jogador do elenco. Não é possível um atleta estar no seu melhor nível em todos os jogos e tenho certeza que vaiar o jogador não ajuda de forma alguma. As pessoas têm de ter consciência disso antes de pensar em vaiar”, disse o meia alemão.

Outro jogador que também falou sobre o galês foi o brasileiro Casemiro, um dos destaques do Real Madrid na temporada passada.

“Acho que ele fez boa partida. Todos notaram que ele estava com muita vontade. Nota-se que ele não está em seu melhor momento, mas fiquei impressionado com o esforço que fez em campo. Ele brigou por todas as bolas aéreas, lutou em campo, gerou chances durante o jogo. Esse é o Bale que necessitamos e sabemos que ele é um dos melhores do mundo em sua função. É um atleta muito forte e importante para nós”, ressaltou o volante.

Desde que chegou ao Real Madrid em 2013, quando foi contratado pelos espanhóis pelo valor de 100 milhões de euros (315,5 milhões de reais), Bale participou de de 154 partidas e anotou 68 gols.

(Com Gazeta Press)