Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Inglaterra bate recorde na Liga dos Campeões

A maior competição de clubes da Europa terá cinco clubes de um mesmo país nas oitavas de final pela primeira vez na história

Cinco times ingleses fizeram história na atual edição da Liga dos Campeões da Europa. Tottenham, Manchester United, Manchester City, Liverpool e Chelsea se classificaram para as oitavas de final e, pela primeira vez, um único país terá tantos representantes na fase eliminatória do torneio.

É apenas a terceira vez que cinco times do mesmo país disputam a competição. Isso foi possível a partir da temporada 2015/2016, quando a Uefa decidiu que o campeão da Liga Europa teria direito a uma vaga no principal torneio do continente. O Sevilla ficou com o título e a Espanha foi a primeira a ter o número máximo de representantes.

Naquela temporada, Barcelona, Real Madrid e Atlético de Madri foram os primeiros colocados de seus grupos, mas Valencia e Sevilla foram as decepções e os espanhóis tiveram apenas três times nas oitavas. No ano seguinte, a Espanha foi agraciada novamente, graças a mais um título do Sevilla na Liga Europa, e o desempenho foi pior ainda. O Villarreal, quarto colocado no Campeonato Espanhol, caiu ainda nos playoffs para a fase de grupos.

Os clubes ingleses não desperdiçaram a chance na atual edição da Liga dos Campeões. Os quatro times classificados pelo Campeonato Inglês e o Manchester United, campeão da última Liga Europa, garantiram suas vagas entre os 16 melhores do continente. E podem chegar juntos até às quartas de final, pois o regulamento impede um cruzamento entre clubes do mesmo país no primeiro mata-mata.

O Chelsea, único inglês a ficar em segundo lugar de sua chave, já sabe que não vai enfrentar os rivais do Manchester, do Tottenham nem do Liverpool. No sorteio, que será no dia 11 de dezembro, o time comandado pelo italiano Antonio Conte descobrirá seu adversário entre os outros campeões dos grupos: PSG, Roma, Barcelona ou Besiktas.