Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ida de Higuaín para a Juventus é a 3ª maior da história

Negócio foi o maior desta janela, por 90 milhões de euros

Atual pentacampeão italiano, a Juventus investiu pesado para trazer o atual artilheiro do torneio e de uma única edição em todos os tempos. Por 90 milhões de euros, o time de Turim fechou com o atacante argentino Gonzalo Higuaín.

O valor supera a transferência de Neymar para o Barcelona em 2013 e torna-se o terceiro caso mais caro de transferência de todos os tempos, atrás apenas de Bale, que foi vendido por 101 milhões de euros em 2013, saindo do Tottenham-ING e indo ao Real Madrid e de Cristiano Ronaldo, vendido em 2009 do Manchester United para o Real Madrid por 94 milhões de euros.

O atacante de 28 anos também foi a negociação mais cara da história do futebol italiano, que, até então, tinha como maior negócio a saída de Zidane, da Juventus, em 2001 para o Real Madrid por 73,5 milhões de euros. Já a maior contratação de um clube italiano era a de Hernán Crespo, que em 2000 chegou à Lazio, vindo do Parma, por 55 milhões de euros.

O atacante, na Juve, receberá 7,5 milhões de euros anuais. O jogador estava no Napoli desde 2013, quando foi contratado junto ao Real Madrid por 38 milhões de euros.