Clique e assine a partir de 9,90/mês

Guardiola exige que atletas do City façam aulas de inglês

Segundo o zagueiro argentino Otamendi, treinador espanhol exige que reuniões sejam no idioma local e controla a alimentação dos atletas

Por Da redação - Atualizado em 18 out 2017, 19h14 - Publicado em 18 out 2017, 18h24

Em sua segunda temporada pelo Manchester City, o técnico Pep Guardiola parece ter conseguido implantar sua filosofia no clube, que lidera o Campeonato Inglês e está 100% na Liga dos Campeões, com bom futebol apresentado. Segundo o zagueiro argentino Nicolás Otamendi, os atletas já estão acostumados às exigências do treinador espanhol, que incluem hábitos alimentares e até fluência em inglês.

“Depois dos jogos é obrigatório comer no clube. A alimentação e o descanso são importantes, porque jogamos muitas partidas seguidas. Guardiola é muito exigente com a comida e pediu para termos aulas de inglês, porque as reuniões são nesse idioma. Tanto é que em dezembro tenho um exame de inglês para fazer”, contou Otamendi em entrevista à Fox Sports da Argentina.

O jogador com passagem pelo Atlético-MG elogiou o comportamento do técnico, que, segundo ele, demonstra preocupação também com a vida pessoal dos comandados.

“Pep tem tudo sob controle quando a partida está próxima. Tudo é projetado para que o time funciona perfeitamente. Nada é feito ao acaso. Ele está em cima de tudo, não apenas falando sobre futebol, mas também sempre se certifica se estamos bem com a nossa família e coisas assim”

Dentre os vários estrangeiros do City, estão atletas da seleção brasileira, como o veterano volante Fernandinho e os jovens Gabriel Jesus e Ederson. Os últimos estão há menos de um ano no clube e ainda têm dificuldades para dar entrevistas em inglês.

 

Continua após a publicidade
Publicidade