Clique e assine com 88% de desconto

Griezmann se diz ‘meio uruguaio’ e Suárez faz pouco caso

Declaração de Suárez esquenta o clima para o confronto França x Uruguai pelas quartas de final da Copa de 2018

Por Estadão Conteúdo - Atualizado em 4 jul 2018, 14h45 - Publicado em 4 jul 2018, 12h11

Na última terça-feira, em coletiva, o atacante Luis Suárez fez pouco caso da ligação que o francês Antoine Griezmann diz ter com o Uruguai, por causa de alguns hábitos, como tomar chimarrão, e da proximidade com o zagueiro Diego Godín, de quem é companheiro no Atlético de Madrid. As seleções francesa e uruguaia vão se enfrentar pelas quartas de final da Copa do Mundo de 2018 na próxima sexta-feira, às 11 horas (de Brasília), em Níjni Novgorod.

Tabela completa de jogos da Copa do Mundo de 2018

Ao site da Fifa, Griezmann declarou que estava feliz por enfrentar o Uruguai porque é uma seleção em que tem grandes amigos. “É como se fosse um segundo país meu. Godín é padrinho da minha filha. Estou muito feliz por eles terem se classificado”, afirmou o francês, que no Atlético de Madrid também tem a companhia dos zagueiros uruguaios José María Gímenez, convocado para a Copa, e Emiliano Velázquez.

Saiba quanto cada seleção vai ganhar na Copa

“Por mais que Griezmann diga que é meio uruguaio, ele é francês e não sabe o que é ter o sentimento uruguaio. Ele não sabe da nossa entrega para tentar as vitórias no futebol com os poucos que somos. Ele tem costumes uruguaios, mas nós sentimos isso de uma maneira diferente”, disparou Suárez.

Publicidade