Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Goleiro Petr Cech anuncia que vai se aposentar em 2019

Histórico goleiro checo, atualmente no Arsenal, completará a 20ª e última temporada de sua carreira

O goleiro checo Petr Cech, do Arsenal, anunciou nesta terça-feira, 15, sua aposentadoria para o final desta temporada. O jogador, que completará 37 anos em maio, disse que sonha em conquistar mais um título para fechar uma carreira de 20 anos como profissional, sendo 15 no futebol inglês.

“Depois de ter jogado 15 anos na Premier League e ter ganhado todos os troféus possíveis, sinto que atingi todas as metas que planejei. Seguirei trabalhando duro no Arsenal para, tomara, conquistar mais um título. Depois, verei o que a vida me reserva do lado de fora dos gramados”, afirmou o goleiro, que fez história no Chelsea antes de se transferir ao rival.

Cech iniciou a carreira em 1999, pelo Chmel Blšany, de seu país. Depois, se transferiu para o Sparta Praga, clube mais tradicional da República Checa, e para o Rennes, da França. Em 2004, chegou ao Chelsea, onde se consagrou como um dos melhores goleiros de sua geração. Em Stanford Bridge, conquistou quatro títulos do Campeonato Inglês, uma Liga dos Campeões e uma Liga Europa, entre outros, na fase mais vitoriosa da história do clube de Londres.

Cech ganhou ainda mais notoriedade em outubro de 2006, ao sofrer uma fratura no crânia em dividida com Stephen Hunt, do Reading. Ele passou meses afastado e só retornou usando um capacete especial de proteção, item que o acompanhou durante toda a carreira e se tornou sua marca registrada.

Pela seleção checa, Cech foi eleito o melhor goleiro da Eurocopa de 2004 e disputou a Copa do Mundo de 2006, quando a equipe chegou como forte candidata, mas decepcionou na primeira fase. Ele chegou ao Arsenal em 2015, depois que o Chelsea contratou o belga Thibaut Courtois, e pela equipe vermelha da capital inglesa conquistou a Copa da Inglaterra de 2017 e a Supercopa da Inglaterra em 2015 e 2017.