Clique e assine com até 92% de desconto

Fortaleza diz que não foi procurado pelo Flamengo e exige multa por Ceni

Presidente Marcelo Paz afirma que não houve negociação e ainda não há acordo pelo pagamento do valor de 1 milhão de reais

Por Klaus Richmond Atualizado em 13 nov 2020, 20h48 - Publicado em 10 nov 2020, 16h10

O Flamengo anunciou nesta terça-feira, 10, a contratação de Rogério Ceni, 47 anos, como seu novo técnico. O ex-goleiro substituirá o espanhol Domènec Torrent, demitido após a goleada por 4 a 0 sofrida para o Atlético-MG, no último domingo, 8, no Mineirão, em jogo válido pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O acordo com o novo treinador tem duração até dezembro de 2021. Ceni, inclusive, já comanda o treino desta tarde, no Ninho do Urubu. O Fortaleza, clube pela qual estava em sua segunda passagem desde setembro de 2019, diz que ainda aguarda o pagamento da multa rescisória de 1 milhão de reais, prevista em caso de quebra contratual.

“A multa existe para ser cumprida e é o que esperamos. Não teve acordo, nem conversa neste sentido”, disse o presidente Marcelo Paz a PLACAR, que informou que o clube carioca não procurou o Fortaleza durante as negociações. O desligamento foi feito diretamente pelo treinador.

“Mesmo com multa estipulada, o Rogério tinha um contrato com o Fortaleza e estava empregado. Logo, os clubes que o desejavam poderiam minimamente ter entrado em contato com nossa direção. Temos um ótimo relacionamento com o Flamengo, mas não fomos procurados ou contatados em nenhum momento”, explicou Paz.

Ceni chega ao Flamengo acompanhado de três profissionais para a sua comissão técnica: o preparador físico Danilo Augusto, além dos auxiliares Charles Hembert e Nelson Simões. Ainda não há confirmação, mas o novo técnico pode estrear, curiosamente, contra o São Paulo, clube em que jogou durante toda a carreira. A partida acontecerá nesta quarta-feira, 11, no Maracanã, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Além desta competição, Ceni também terá a chance de buscar o maior título na curta carreira como treinador até aqui com a disputa do Campeonato Brasileiro – o clube é o atual terceiro colocado, com 35 pontos –, além da Copa Libertadores, onde o Flamengo enfrentará o Racing, pelas oitavas de final. O primeiro confronto acontecerá no próximo dia 24, na Argentina.

No último mês, em participação no programa “Bem, Amigos”, do SporTV, Ceni afirmou que hoje cumpriria seu contrato com o Fortaleza “independente de qualquer coisa” fazendo alusão a experiência negativa quando trocou o clube cearense pelo Cruzeiro, no meio do último campeonato, e acabou demitido apenas 46 dias depois.

Assine DAZN | 30 dias grátis para curtir os maiores craques do futebol mundial ao vivo e quando quiser!

Continua após a publicidade
Publicidade