Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
CLIQUE E RECEBA A REVISTA EM CASA A PARTIR DE R$14,90/MÊS Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90

Final da Champions em Madri vai gerar receita de 62,5 milhões de euros

Autoridades da cidade garantem segurança mas há temor de enfrentamento entre as torcidas inglesas

Por EFE 29 Maio 2019, 16h16

O vice-presidente da Confederação Empresarial de Madri (CEIM), Francisco Aranda, afirmou  que o impacto direto econômico da disputa da final da Liga dos Campeões, entre Tottenham e Liverpool, na capital da Espanha, será de 62,5 milhões de euros (cerca de 278 milhões de reais).

Aranda disse que além do efeito direto na economia da cidade, a partida será assistida em 200 países, por cerca de 350 milhões de expectadores. “Mais uma vez, poderemos transmitir uma imagem de Madri como uma cidade segura, moderna, acolhedora e com magníficas infraestruturas.”

  • Apesar de revelar confiança nas autoridades e corporações locais, Aranda admitiu que todos na cidade estão considerando a possibilidade de haver confronto entre torcedores ingleses antes e depois da partida. “É uma incógnita. Não temos o que temer. Medo não temos nenhum, preocupação, pode ser.”

    Tottenham e Liverpool se enfrentarão às 16h (de Brasília), no estádio Wanda Metropolitano. Esta será a quarta vez que Madri receberá a final da Liga dos Campeões, sendo que todos os demais jogos aconteceram no estádio Santiago Bernabéu.

    Continua após a publicidade
    Publicidade