Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Favorita, Espanha só empata com a Suécia na estreia da Euro

Mesmo com 85% de posse de bola e 17 finalizações, seleção do técnico Luis Enrique não conseguiu furar a forte marcação sueca

Por Da Redação Atualizado em 14 jun 2021, 18h13 - Publicado em 14 jun 2021, 17h59

Maior campeã da história da Eurocopa – ao lado da Alemanha, com três títulos – e uma das favoritas ao título da competição, a Espanha só empatou sem gols com a Suécia nesta segunda-feira, 14, no estádio La Cartuja de Sevilla, em sua estreia. A equipe está no grupo E da Euro ao lado de Eslováquia e Polônia, que também jogaram mais cedo.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

Dominante durante toda a partida – com 85% de posse de bola, de acordo com estatísticas do Sofascore –, a seleção dirigida pelo técnico Luis Enrique desperdiçou diversas oportunidades. Foram 17 finalizações, as principais delas nos pés do centroavante Alvaro Morata, do Atletico de Madrid.

  • Morata desperdiçou a melhor aos 37 minutos do primeiro tempo. Após receber cruzamento de Jordi Alba, viu o zagueiro Danielsson furar. O camisa 7, livre e de frente para o goleiro Olsen, acabou chutando colocado para fora.

    A Suécia também ofereceu perigo e teve a sua melhor oportunidade construída ainda no primeiro tempo, em contra-ataque com Alexander Isak. O atacante driblou o zagueiro Laporte e finalizou para o que seria um gol certo. A bola foi tirada em cima da linha pelo lateral Marcos Llorente, tocou a trave e voltou nas mãos do goleiro Unai Simon.

    Só no primeiro tempo da partida, os espanhóis tentaram nove finalizações ao gol, três delas que acertaram o alvo, a última delas com Dani Olmo, aos 44 minutos. O atacante arriscou de longe, levando o goleiro Olsen a espalmar.

    Continua após a publicidade

    No segundo tempo, precisando buscar o resultado, a equipe continuou impondo pressão aos suecos. Aos 20 minutos, Luis Enrique fez dupla substituição, colocou Thiago Alcantara na vaga de Rodri e Sarabia no lugar de Morata. O nome mais aguardado, o do atacante Gerard Moreno, campeão da Liga Europa com o Villarreal, só entrou aos 28 na vaga de Dani Olmo.

    Foi Moreno, por sinal, que conseguiu criar as últimas chances claras dos espanhóis. Aos 44 minutos, em cabeçada, aproveitando o cruzamento de Sarabia. E dois minutos após, dessa vez chutando colocado próximo a trave.

    A Espanha volta a jogar no próximo dia 19, contra a Polônia, novamente em Sevilha, no estádio La Cartuja. A Suécia, por sua vez, enfrenta a Eslováquia, em partida no estádio São Petesburgo, na Rússia.

    Continua após a publicidade
    Publicidade