Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ex- Fluminense, Richarlison brilha na abertura do Campeonato Inglês

Atacante, que trocou o Watford pelo Everton nesta temporada, marcou dois gols, mas seu time só empatou; Arsenal e Manchester City duelam neste domingo

Tottenham e Chelsea começaram a nova temporada do Campeonato Inglês com vitórias tranquilas neste sábado sobre Newcastle e Huddersfield, respectivamente.

Jogando fora de casa, no Saint James Park, os ‘Spurs’ saíram na frente do placar com gol do belga Jan Vertoghen aos oito minutos do primeiro tempo. Joselu empatou três minutos depois, mas mal deu tempo de comemorar. Aos 18, Dele Alli completou cruzamento de Serge Aurier e garantiu a primeira vitória do Tottenham no torneio.

Já o Chelsea, na estreia do técnico Maurizio Sarri, passou com facilidade pelo Huddersfield, também fora de casa, por 3 a 0. O primeiro gol do jogo foi marcado por N’Golo Kante, aos 34 minutos do primeiro tempo, após cruzamento de Willian. O volante ítalo-brasileiro Jorginho, que fazia o primeiro jogo com a camisa dos ‘Blues’, ampliou aos 45 em cobrança de pênalti. E, já perto do fim, aos 35, Pedro fechou o placar.

Richarlison

Fechando o dia, o Everton empatou com o Wolverhampton, fora de casa, por 2 a 2, em grande jogo do atacante Richarlison, principal contratação da equipe de Liverpool para a temporada.

O jogador, ex-Fluminense, abriu o placar para o Everton aos 17 minutos do primeiro tempo, mas os visitantes foram prejudicados pela expulsão de Phil Jagielka, aos 40. O Wolverhampton aproveitou a vantagem numérica e empatou quatro minutos depois.

No segundo tempo, Richarlison marcou outra vez, aos 22, após invadir a área e bater na saída do goleiro. No entanto, faltando dez minutos para o fim, Raul Jimenez deixou tudo igual outra vez.

Clássico

Neste domingo, o principal confronto será o clássico entre Arsenal e o atual campeão, Manchester City, às 12h (horário de Brasília). O Arsenal tenta provar que há vida sem o técnico Arsene Wenger, que deixou o clube após 22 anos. O elenco não fez grandes investimentos e a missão de conduzir esse processo será do espanhol Unay Emery, que foi demitido do Paris Saint-Germain.

O Manchester City, de Pep Guardiola, entra motivado por ter conquistado a Supercopa da Inglaterra na semana passada, batendo o Chelsea na final. “Trata-se de um clássico, de um jogo diferenciado logo na estreia e já vamos precisar buscar um triunfo. Se ganharmos, pegaremos embalo na defesa do título. Na temporada passada conseguimos uma boa pontuação desde cedo e isso pesou”, disse Guardiola.

O Liverpool também estreia neste domingo, quando recebe o West Ham às 9h30 (horário de Brasília) no Estádio Anfield, em Liverpool. Sem ganhar o título desde a temporada 1989/1990, o time foi firme no mercado reforçar o que já estava bom. Vale lembrar que os comandados de Jurgen Klopp ficaram com o vice da Champions League na temporada passada.

Agora, o Liverpool foi a Roma contratar o goleiro brasileiro Alisson, tiraram o também brasileiro Fabinho da lateral direita do Monaco e ainda trouxe Xherdan Shaqiri e Naby Keita. Mané e Roberto Firmino formam um trio de frente que conta com a estrela da companhia: o egípcio Mohamed Salah.

“Chegaremos mais uma vez forte na temporada e desta vez vivenciando a conquista do título, algo que a nossa torcida está sonhando há algumas décadas”, afirmou Klopp.

(Com Gazeta Press e EFE)