Clique e assine com 88% de desconto

Enquete: Cássio ou Vanderlei, quem merece ser convocado?

Goleiros de Corinthians e Santos são observados por Tite e podem aparecer na próxima convocação da seleção brasileira

Por Da redação - Atualizado em 11 jul 2017, 15h30 - Publicado em 11 jul 2017, 15h09

Um dia após acompanhar os treinos de Cássio, do Corinthians, no CT Joaquim Grava, o preparador de goleiros da seleção brasileira, Taffarel, desceu a serra em direção a Santos. O ex-goleiro esteve nesta terça-feira no CT Rei Pelé para assistir ao treinamento de Vanderlei, dono da meta santista.

O tetracampeão mundial confirmou que o goleiro do Santos está no radar do técnico Tite e elogiou a boa fase. “Ele entrou no nosso radar pela competência e pela fase. Nós não analisamos só uma atuação ou uma defesa, mas sim uma sequência de trabalho. É o que esperamos de todos os atletas que estejam em nosso radar, que estejam uma boa fase em seus grupos”, disse, em entrevista à Rádio Santos.

Taffarel afirmou que já acompanhava o trabalho de Vanderlei há algum tempo, e que deve retornar ao Santos na próxima semana para dar continuidade ao monitoramento. A ideia é reunir informações detalhadas sobre a condição do goleiro, que pode integrar a relação de Tite para os próximos dois jogos da seleção: contra o Equador em 31 de agosto, na Arena do Grêmio, e contra a Colômbia, em 5 de setembro, fora de casa, ambos pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018.

No Santos desde o início de 2015, quando chegou ao clube após passagem pelo Coritiba, Vanderlei já disputou 139 partidas pela equipe. O goleiro, de 33 anos, é um dos destaques do time nesta temporada.

Publicidade

Em 2017, quatro goleiros estiveram em várias convocações do técnico Tite. Diego Alves, do Valencia, Ederson, do Benfica, Alisson, da Roma, e Weverton, do Atlético-PR, foram os principais convocados. Alex Muralha, do Flamengo, também foi lembrado para a disputa do Jogo da Amizade, entre Brasil e Colômbia, em janeiro.

(Com Estadão Conteúdo)

Publicidade