Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Em crise na China, Tardelli planeja voltar ao Galo em 2017

Jogador pretende ficar, ao menos, mais um ano no futebol chinês

O atacante Diego Tardelli fez uma primeira temporada regular no futebol chinês. Contudo, a difícil adaptação e a complicada relação com o treinador Cuca fazem com que o jogador pense em retornar ao Brasil.

Apesar do bom desempenho de seu time, Tardelli teve um desempenho abaixo do que se espera dele. Em 19 jogos, marcou apenas seis gols na campanha do Shandong Luneng, que foi terceiro colocado no Campeonato Chinês, atrás do Guangzhou Evergrande, de Robinho e Felipão e do Shangai East Asia, de Conca.

“Acabou a Liga sábado (31) passado. Ficamos em terceiro lugar e classificamos para a Champions League. Tive problemas pessoais no clube, foi um pouco complicado, mas estou feliz. Dá para aguentar mais um ano lá ainda”, explicou o ex-atacante do Galo.

O jogador teve problemas de adaptação, uma lesão no joelho e problemas com o Cuca, com quem já trabalhara no Atlético-MG. “Tivemos uns problemas particulares. A gente tem se falado muito pouco este ano. A não ser dentro de campo. Eu vou embora para minha casa depois do treino, e ele vai embora para a casa dele. Não sei muito da vida do Cuca”, avisou o jogador.

O jogador ainda avisou que dentro de um ano e meio pretende deixar a China e, quem sabe, voltar ao Brasil, especialmente para jogar no Atlético-MG, para quem dá prioridade.

“Eu acho que deixei bem claro que, quando eu voltar, se um dia eu voltar para o Brasil, o Atlético será minha primeira opção sempre. Eu não me vejo jogando em outros clubes”, completou.