Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Dono do Spotify se junta a lendas do Arsenal para tentar comprar o clube

O sueco Daniel Ek, fundador do serviço de streaming, conta com o apoio de Henry, Vieira e Bergkamp para adquirir seu time do coração junto a grupo americano

Por Da Redação Atualizado em 3 Maio 2021, 12h30 - Publicado em 26 abr 2021, 14h44

O bilionário sueco Daniel Ek, dono do serviço de streaming de músicas Spotify, pretende iniciar uma nova e ambiciosa empreitada, agora no futebol: comprar o seu clube do coração, o Arsenal, da Inglaterra. Para isso, Ek espera lançar um consórcio com três grandes ídolos do tradicional time londrino: os franceses Thierry Henry e Patrick Vieira, e o holandês Dennis Bergkamp. O plano foi noticiado nesta segunda-feira, 26, por diários britânicos como o The Guardian.

Clique aqui e assine PLACAR com preço especial, a partir de 8,90 reais por mês!

A possível negociação ocorre dias depois do plano do Arsenal e outras 11 equipes europeias de criar a Superliga Europeia fracassar de forma desonrosa, após protestos de fãs, atletas, dirigentes e políticos. O vexame arranhou ainda mais a imagem da Kroenke Sports Enterprises (KSE), grupo americano que chegou a pedir desculpas aos torcedores pelo plano desastrado.

  • Daniel Ek, que fundou o Spotify em 2006 e hoje tem patrimônio líquido avaliado em 4,7 bilhões de dólares (mais de 25 bilhões de reais), avisou sobre seu desejo em uma postagem no Twitter na última sexta-feira, 23. “Desde criança, sempre torci pelo Arsenal. Se a KSE quiser vender o clube, eu ficaria muito feliz em jogar meu chapéu”, afirmou.

    Comandada pelo magnata americano Stan Kroenke, a KSE tem 100% do controle do Arsenal desde 2018. Apesar dos protestos que exigem a saída da família Kronke do clube, a companhia garantiu na semana passada que “não tem qualquer intenção” de vender o time. A imprensa inglesa, no entanto, informou que uma oferta formal será feita por Ek nas próximas semanas. A revista Forbes estima que o clube de Londres valha atualmente 2 bilhões de libras (mais de 15 bilhões de reais).

    De acordo com o Guardian, Daniel Ek já pediu ajuda de Henry, Vieira e Beckham, protagonistas do último grande time do Arsenal, campeão inglês de forma invicta em 2003 e vice-campeão europeu em 2006. A presença do trio no negócio seria uma forma de pressionar ainda mais a família Kronke a abandonar o projeto, que caminha para um novo fracasso nesta temporada. O Arsenal é apenas o 10º colocado da Premier League, 12 pontos atrás do quarto colocado e rival local Chelsea e, portanto, precisará vencer a Liga Europa para se classificar à próxima Liga dos Campeões.

     

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade