Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dia 1 – Cerimônia de Abertura

A emocionante e encantadora cerimônia dos Jogos Olímpicos do Rio

Como se diz: “a primeira vez a gente nunca esquece”.Minha primeira olimpíada foi Barcelona em 1992. O dream team, o ouro do Brasil
no vôlei masculino … que saudades.

A primeira olimpíada no Brasil, no Rio de Janeiro será inesquecível. Neste espaço, até o dia 21 de agosto, irei relatar um pouco da história
olímpica em nosso país.

Começamos pela cerimônia de abertura. Coloridíssima, criativa, elegante e de bom gosto. Excelente e diversificada
trilha sonora. Contou um pouco das nossas origens. Mostraram os árabes e os japoneses, mas
esqueceram os italianos, os espanhóis e os alemães.

Uma poesia clamou pela conservação das florestas. A melhor mensagem para todo o
mundo teria sido a despoluição da Baia de Guanabara e da Lagoa Rodrigo de
Freitas. A calorosa recepção aos atletas refugiados e o delírio com a nossa delegação. E a emoção maior quando Vanderlei Cordeiro de Lima acendeu a pira.

A partir de amanhã vamos curtir os reais protagonistas das glórias e dos dramas
olímpicos. Phelps, Bolt (Federer que pena …) e outros dez mil e quinhentos
competidores de 206 países irão literalmente correr, nadar, jogar, saltar,
arremessar, atirar e tudo mais atrás do ouro.

Que vençam os melhores, mas sem doping