Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Defensor passa e pega Atlético-MG; Palestino espera São Paulo ou Talleres

Equipes do Uruguai e do Chile avançaram para a terceira fase da Pré-Libertadores, a última antes da definição final dos grupos

Os dois clubes na chave dos brasileiros na terceira fase da Pré-Libertadores foram definidos na noite desta terça-feira 12. O Defensor, do Uruguai, eliminou o Barcelona de Guayaquil, do Equador – mesmo com derrota – e será o rival do Atlético-MG, que eliminou outro uruguaio (o Danubio) mais cedo. Já o Palestino, do Chile, tirou o colombiano Independiente Medellín nos pênaltis e agora aguarda a definição do confronto entre São Paulo e Talleres, da Argentina. O Tricolor precisa reverter uma desvantagem de dois gols para avançar.

Punição elimina o Barcelona de Guayaquil

Apesar do Barcelona de Guayaquil ter, na noite de terça-feira, voltado a vencer o Defensor, desta vez por 1 a 0, no estádio Monumental Isidro Romero Carbo, no Equador, foi a equipe uruguaia que ficou com a vaga para a terceira fase da Taça Libertadores da América.

Os uruguaios, que na semana passada perderam em casa por 2 a 1, acabaram beneficiados com a punição dada pela Conmebol ao Barcelona pela escalação irregular do colombiano Sebastián Pérez.

A Conmebol, além de considerar o Defensor o vencedor do jogo de ida, atribuiu um placar de 3 a 0 para os uruguaios, conforme o regulamento.

Então para se classificar, o Barcelona necessitava vencer o segundo jogo por no mínimo 3 a 0, o que levaria a decisão para os pênaltis. No entanto, o time equatoriano conseguiu apenas marcar um gol, com Matías Oyola, aos 40 do primeiro tempo.

Com a classificação, agora o Defensor enfrentará na terceira fase o Atlético-MG, que também nesta terça se classificou ao derrotar o Danubio-URU por 3 a 2, na Arena Independência.

Palestino passa nos pênaltis, fora de casa

Com uma vitória nas cobranças de pênaltis após empate em 1 a 1 no tempo normal, o Palestino, na noite de terça-feira, se classificou para a terceira fase da Taça Libertadores da América após eliminar o Independiente Medellín, no estádio Atanasio Girardot, na Colômbia.

O primeiro jogo, disputado semana passada no Chile, também terminou em 1 a 1. No confronto desta terça, quem abriu o placar foi o Palestino, com Luis Jiménez, aos 40 do primeiro tempo. Mas seis minutos depois, o zagueiro Jesús Murillo deixou tudo igual.

Nos pênaltis, os donos da casa só acertaram uma cobrança, com Elvis Perlaza, enquanto que os visitantes converteram suas quatro penalidades.

Agora o Palestino aguarda o vencedor do duelo entre São Paulo e Talleres-ARG, que se enfrentam nesta quarta, no Morumbi. O tricolor paulista está em desvantagem, pois perdeu o primeiro jogo, na Argentina, por 2 a 0.

(Com EFE)