Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

David Neres celebra ‘não’ a fortuna da China: ‘Fiz a escolha certa’

Atacante da seleção recordou proposta tentadora do Guanghzou Evergrande e, especulado pelo Everton, admitiu sonho de atuar na Premier League

David Neres tem uma personalidade bastante peculiar. Em campo, é ousado, espalhafatoso como seu corte de cabelo. Diante dos microfones, é tímido, fala baixinho, mas muitas vezes surpreende com boas tiradas, é naturalmente carismático. Na madrugada deste sábado, 15, depois da vitória da seleção brasileira sobre a Bolívia na estreia da Copa América, o atacante revelado pelo São Paulo atendeu a todos os jornalistas que gritaram seu nome na zona mista, mas deu especial atenção a um trio de jornalistas holandeses que vieram apenas para vê-lo. Em bom inglês, falou sobre a possibilidade de deixar o Ajax e “celebrou” o fato de não ter ido à China.

Aos jornalistas brasileiros, Neres foi mais protocolar e fugiu, por exemplo, da polêmica sobre o o distanciamento da torcida no estádio que o viu nascer para o futebol. “Faz parte”, resumiu. Ao reencontrar os profissionais europeus, porém, o jogador de 22 anos se sentiu mais à vontade, até apoiou-se na grade e papeou sem pressa, com sorrisos no rosto, talvez grato pela presença deles em seu país.

Tabela completa da Copa América 2019

Primeiro, falou sobre a experiência de voltar ao Morumbi. “É um sentimento incrível de jogar em casa, na minha cidade e no clube que me formou, é especial, vieram todos me ver, família, amigos, namorada”, contou. Ele namora a modelo alemã Kira Winona, com quem se comunica em inglês, o que melhorou sua fluência no idioma.

Ele, no entanto, despistou sobre os rumores de que esteja de saída para o Everton, da Inglaterra. “Quando estou na seleção, tento me manter focado, deixo isso de lado, com meus empresários. Claro que a Premier League me interessa, é a melhor liga do mundo, sempre tive o sonho de jogar lá, mas deixo o futuro nas mãos de Deus”, em seguida, riu quando perguntado se o companheiro de seleção Richarlison lhe deu dicas sobre o clube da cidade de Liverpool. “Não, não falou nada.”

Em outra resposta curiosa, celebrou o fato de ter negado uma proposta de cerca de 45 milhões de dólares (195 milhões de reais, pela cotação atual) do Guangzhou Evergrande, da China, em janeiro. Pouco depois, o atacante de 22 anos se firmou no Ajax, que chegou à semifinal da Liga dos Campeões, e na seleção.

Veja também

“Se tivesse aceitado, com certeza não estaria aqui (risos). Eles fizeram uma boa oferta, foi tentador, porque eu não joguei tudo na primeira metade da temporada. Me perguntava o que era melhor para mim. No fim, fiquei e vencemos o Real Madrid e a Juventus, agora estou jogando na seleção. Acho que fiz a escolha certa”.