Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cristiano Ronaldo escapa de suspensão, mas leva multa por gesto obsceno

O atacante português usou a comemoração para provocar o técnico Simeone e os torcedores do Atlético de Madri

Cristiano Ronaldo, atacante da Juventus, foi multado pela Uefa nesta quinta-feira, 21, pelo gesto obsceno que fez na comemoração de um dos seus três gols na vitória por 3 a 0 sobre o Atlético de Madri, no último dia 12, em Turim, pelo confronto de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões. O português escapou da suspensão, mas terá de desembolsar 20.000 euros (cerca de 86.000 reais).

Tabela completa de jogos da Liga dos Campeões 2019

Na ocasião, Cristiano ajudou a reverter a derrota da Juventus por 2 a 0 na partida de ida das oitavas, na Espanha. O português, depois de marcar seu terceiro gol, exibiu a sua comemoração habitual, dando um pulo e usando os braços para lembrar que estava ali para ser decisivo mais uma vez. Ao final da partida, porém, ele provocou a torcida rival ao levar as mãos próximas a seus genitais.

A provocação foi uma resposta ao técnico argentino Diego Simeone, do Atlético, que realizou mesmo o gesto (de forma mais efusiva) na primeira partida, em Madri. O argentino se virou contra sua própria torcida e tocou as partes íntimas, sinalizando a “coragem” de seu time. “Significa que temos colhões, muitos colhões. Já fiz esse gesto quando era jogador”, explicou Simeone, na ocasião. Ele também foi multado pela Uefa em 20.000 euros. 

Cristiano Ronaldo e a Juventus agora enfrentarão o Ajax nas quartas, com o primeiro jogo marcado para o dia 10 de abril, na Holanda, e o segundo no dia 16, na Itália.

Os gestos polêmicos de Cristiano Ronaldo e Diego Simeone no primeiro jogo (Pierre-Philippe Marcou/AFP/Reprodução)

(Com Estadão Conteúdo)