Clique e assine com até 92% de desconto

Cristiano Ronaldo de volta: futebol italiano é retomado com clássico

Milan e Juventus se enfrentam nesta sexta-feira, a partir das 16h, em Turim, valendo vaga na final da Copa Itália. DAZN exibe a partida com exclusividade

Por Da Redação Atualizado em 12 jun 2020, 10h52 - Publicado em 12 jun 2020, 10h10

Depois dos retornos dos campeonatos na Alemanha e na Espanha, a bola também vai voltar a rolar nesta sexta-feira, 12, na Itália, um dos países mais castigados pela pandemia do novo coronavírus,e justamente com um dos maiores clássicos do país: Juventus x Milan, no Allianz Stadium, em Turim, pelo segundo jogo da semifinal da Copa Itália. O duelo será realizado com portões fechados e terá transmissão exclusiva da DAZN, a partir das 16h (de Brasília).

ASSINE VEJA

Os desafios dos estados que começam a flexibilizar a quarentena O início da reabertura em grandes cidades brasileiras, os embates dentro do Centrão e a corrida pela vacina contra o coronavírus. Leia nesta edição.
Clique e Assine

O atacante Cristiano Ronaldo que surpreendeu até mesmo os médicos da Juventus ao voltar em ótima forma física após a quarentena, está confirmado para o clássico. No primeiro jogo, realizado 13 de fevereiro, os times empataram em 1 a 1, no San Siro, em Milão.

Clique aqui para acessar o DAZN e assistir a Juventus x Milan pela Copa da Itália

Empate sem gols, portanto, favorece a Juventus, que joga em casa, enquanto o Milan precisa da vitória ou de um empate em dois ou mais gols. Nova igualdade em 1 a 1 leva o jogo direto para os pênaltis.

  • Napoli e Inter de Milão fazem a outra semifinal no sábado, 13, às 16h (de Brasília) no estádio San Paolo. Na ida, em San Siro, os visitantes venceram por 1 a 0. A final da Copa Itália acontece no dia 17, em Roma. Estes serão os primeiro jogos de futebol na Itália desde 9 de março, quando o Sassuolo venceu o Brescia pelo Campeonato Italiano. A Série A retorna no dia 20 com duas partidas atrasadas da 25ª rodada: Torino x Parma e Verona x Cagliari.

    Continua após a publicidade

    Protocolo do coronavírus

    Além da ausência de torcedores no estádio, o que deve se estender nas grandes ligas ao menos até o final da temporada 2019/2020, outras recomendações da Fifa foram atendida pela organização da Copa Itália: aboliu-se a possibilidade de prorrogação e foram liberadas até cinco substituições (que devem ser feitas em três momentos diferentes, no máximo) durante os 90 minutos. As mudanças no regulamento visam minimizar os riscos de lesão após a quarentena.

    Para garantir a segurança na volta do futebol, os clubes precisam cumprir à risca um rígido protocolo sanitário, semelhante ao praticado na Alemanha, a primeira a voltar. Os jogadores passam por testes preventivos de Covid-19 ao menos duas vezes por semana, sendo um deles um dia antes de cada partida. Os sintomas devem ser monitorados no estádio, quando os atletas, funcionários e imprensa terão suas temperaturas medidas ao entrar. Caso um jogador teste positivo, ele será isolado em quarentena voluntária.

    Ibra fora, Paquetá titular

    A equipe de Turim, que lidera o Campeonato Italiano com um ponto a mais que a Lazio e segue viva na Liga dos Campeões (perdeu a ida das oitavas de final para o Lyon por 1 a 0), quer manter o sonho da tríplice coroa, enquanto o Milan, sétimo colocado da Série A, faltando doze rodadas, busca “salvar” a temporada.

    A Juventus não terá à disposição o zagueiro turco Merih Demiral e o atacante argentino Gonzalo Higuaín. Já o Milan terá o desfalque importante do atacante sueco Zlatan Ibrahimovic, que sofreu uma lesão na panturrilha. O brasileiro Léo Duarte, também lesionado, está fora, enquanto o compatriota Lucas Paquetá deve ganhar uma vaga como titular.

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade