Clique e assine a partir de 9,90/mês

Coronavírus: final da Champions pode ser em 29 de agosto e Mundial adiado

Os dirigentes da UEFA se reunirão no próximo dia 23 para definir os cenários possíveis para encerrar a atual temporada europeia

Por Danilo Monteiro - Atualizado em 16 abr 2020, 17h17 - Publicado em 16 abr 2020, 17h03

A Uefa planeja remarcar a final da Liga dos Campeões para o dia 29 de agosto em Istambul, na Turquia, segundo informações divulgadas nesta quinta-feira 16 pela BBC. Os dirigentes da entidade no dia 23 próximo para definir datas e possíveis alterações no formato da competição, em razão da pandemia de coronavírus.

O veículo inglês também informou que os dirigentes da Uefa têm duas alternativas para concluir a Champions League e a Liga Europa (com final cogitada para o dia 26 de agosto, em Gdansk, na Polônia). A primeira delas é manter o formato de dois jogos (em casa e fora) nas quartas de final e semifinais, que seriam disputadas entre julho e agosto. A segunda prevê apenas um jogo eliminatório, em campo neutro, após o final das competições nacionais, transformando as fases finais em um mini-torneio de uma semana de duração, também marcado para agosto.

O futebol mundial está paralisado por consequência da Covid-19 há mais de um mês, mas representantes de vários clubes e ligas tentam levantar propostas para que o futebol seja retomado, apesar de não haver previsão para o fim do surto mundial de coronavírus. Na Europa, dirigentes do Campeonato Alemão, Espanhol e Italiano tentam prever datas para o retorno das competições.

A temporada 2019/20 da Liga dos Campeões foi paralisada na metade dos confrontos de oitavas de final. Paris Saint-Germain, Atalanta, Atlético de Madri e Red Bull Leipzig já garantiram a classificação às quartas antes da paralisação. Os confrontos decisivos Juventus x Lyon, Barcelona x Napoli, Bayern de Munique x Chelsea, e Manchester City x Real Madrid ainda terão de ser disputados.

Mundial de Clubes deste ano pode ficar para 2021 – Se a atual edição da Champions League deve ser encerrada até o final deste ano, não existe a mesma certeza sobre a conclusão da Copa Libertadores. A final, em data única, está marcada para 21 de novembro no estádio do Maracanã, mas a competição foi paralisada ainda na segunda rodada da fase de grupos.

Isso coloca em xeque a edição do Mundial de Clubes, originalmente marcada para dezembro de 2020, no Catar. A tendência é que a competição no formato vigente, com apenas sete clubes seja empurrada para 2021 e sirva como evento-teste para a Copa do Mundo de 2022. O presidente da Fifa, Gianni Infantino, já deixou claro que deve mexer na fórmula de disputa do Mundial, pela falta de interesse, comercial e de público, da versão atual.

Continua após a publicidade
Publicidade