Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Corinthians vai vender títulos de dívida a torcedores

Time pretende vender 470 milhões de reais em certificados para tentar quitar a dívida do estádio

Por Lucas Mello 5 abr 2017, 18h13

O Corinthians segue em crise financeira e muito disso se deve à construção da Arena Corinthians, avaliada em mais de 1,6 bilhão de reais. Para ajudar a quitá-la, o clube fará campanha para que os torcedores comprem CIDs (Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento) emitidos pela Prefeitura de São Paulo entre 2013 e 2015, conforme publicou o jornal Folha de S. Paulo nesta quarta-feira.

Como a Arena foi sede da abertura da Copa do Mundo em 2014, o clube recebeu incentivos, como os CIDs, que funcionam como isenção de impostos (IPTU e ISS), concedidos pela Prefeitura ao fundo de investimento criado por Corinthians e Odebrecht, responsável pela construção do estádio.

Custando 65.000 reais cada papel, o Corinthians pretende vender os 470 milhões de reais que tem em CIDs. Até o momento, foram vendidos 48 milhões de reais, cerca de 10% do total. A ideia é que a venda seja feita internamente, entre sócios e conselheiros do clube, como forma de teste, para depois ser estendida a todos os torcedores.

  • “Qualquer contribuinte de ISS e IPTU na cidade de São Paulo, seja pessoa física ou jurídica, pode utilizar os CIDs para quitar seus impostos, desde que o valor de seu recolhimento seja superior a 65.000 reais, que é o valor atualizado de cada título”, disse a assessoria de imprensa da Arena Corinthians.

    O ex-diretor de futebol do clube, Sergio Janikian, foi a primeira pessoa física a comprar títulos, adquirindo 130.000 reais em papéis.

    (com Gazeta Press)

    Continua após a publicidade
    Publicidade