Clique e assine a partir de 9,90/mês

Copa América: PF barra torcedores argentinos considerados violentos

Grupo com cinco pessoas foi detido ao cruzar a fronteira para assistir jogo contra o Catar

Por Da Redação - 24 jun 2019, 02h08

A Polícia Federal informou, neste domingo 24, que impediu a entrada de cinco argentinos pela fronteira do Rio Grande do Sul. Segundo a nota da PF, eles “constam da lista de torcedores com histórico de atos de violência em estádios, fornecida pelo governo argentino”.

Com grande presença de torcedores argentinos, a seleção do país venceu o Catar por 2 a 0 neste domingo, em Porto Alegre, pela última rodada da primeira fase da competição, sendo esperada grande presença de torcedores argentinos.

De acordo com a Polícia Federal, os argentinos foram impedidos de entrar no Brasil pelos policiais federais que atuam no controle migratório em Uruguaiana, São Borja e Santana do Livramento. A Polícia Federal barrou os torcedores entre a madrugada e n início da manhã de sábado.

Desde o início da competição, oito viajantes que constam da lista de torcedores violentos já foram impedidos, pela Polícia Federal, de ingressar no Brasil pela fronteira do Rio Grande do Sul.

Continua após a publicidade

A PF atua integrada à Polícia Rodoviária Federal, Força Nacional, Brigada Militar, Polícia Civil, prefeitura de Uruguaiana e ANTT para intensificar a fiscalização e o atendimento aos turistas que ingressam no Brasil para assistir aos jogos da Copa América.

(Com Estadão Conteúdo)

Publicidade