Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Copa América: com dores no joelho, Neymar volta a perder treino

Atacante foi submetido a exames e CBF garante que o problema físico não é grave. Seleção estreia no torneio em 14 de junho, contra a Bolívia

O atacante Neymar desfalcou a seleção brasileira pelo segundo dia seguido de atividades na Granja Comary, em Teresópolis, nesta quinta-feira, 30, mas apesar das dores no joelho esquerdo, foi inscrito pela CBF junto à Conmebol para participar da Copa América.

Há dois dias, o astro do Paris Saint-Germain deixou o gramado do centro de treinamento localizado em Teresópolis, na região serrana do Rio de Janeiro, pouco depois de tentar dar um chute e cair com muitas dores. Nesta quinta, Neymar voltou a ficar fazendo exercícios na academia.

Tabela completa de jogos a Copa América 2019

No Twitter, a CBF postou imagens de Neymar em uma bicicleta ergométrica. No vídeo, o jogador não dá qualquer declaração e há apenas a informação do desfalque na atividade comandada por Tite no gramado.

Rodrigo Lasmar, médico da seleção brasileira, já submeteu o atacante a exames de imagem, que apontaram que o problema físico não é grave. A ausência no treino se dá apenas por causa das dores. O jogador realiza trabalho intensivo, mas ainda não há data marcada de retorno aos gramados.

Em entrevista coletiva concedida nesta quinta-feira, 30, o preparador de goleiros Taffarel garantiu que não existe preocupação para a comissão técnica com a situação do camisa 10.

“Neymar está se preparando ao máximo, está se dedicando. Teve esse problema de joelho agora, mas está em tratamento. O vejo trabalhando todos os dias no centro de treinamento. Eu o vejo muito concentrado e com vontade de fazer uma grande Copa América”, garantiu o tetracampeão mundial.

Sem Neymar, Tite comandou treino para 17 dos chamados para o torneio, com a presença do zagueiro Miranda e do meia Lucas Paquetá, que se apresentaram ontem. A imprensa só teve acesso a 30 minutos da atividade.

Nesta noite, é esperada a chegada do atacante Everton, do Grêmio, que foi liberado depois da partida da equipe de Porto Alegre com o Juventude, pela volta das oitavas de final da Copa do Brasil.