Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Conheça os destaques do Campeonato Alemão 2015/2016

Torneio começa com o Bayern favorito

O Campeonato Alemão começa neste final de semana. No torneio da seleção tetracampeã do mundo, algumas novidades chegaram, especialmente no favorito Bayern.

O time de Munique já tem uma base forte e contratou novo dois jogadores de destaque. O primeiro foi Vidal vice-campeão da Europa com a Juventus, que vem para a vaga deixada por Schweinsteiger. Outro reforço da equipe foi o brasileiro Douglas Costa, que vem para jogar no meio e no ataque do clube.

Contudo, o Bayern não foi o único clube que trouxe novidades para o Campeoanto Alemão. Dentre elas, está o volante chileno Charles Aránguiz, destaque do Internacional nos últimos anos, que defenderá o Bayer Leverkusen neste ano. 

O Bayern contudo, é o favorito ao título. Atual tricampeão da competição, a equipe parece não ter muitos rivais neste ano, novamente. Assim, a equipe pode se concentrar mais na disputa da Liga dos Campeões.

Com 25 conquistas na história, ninguém ganhou tantos torneios nacionais quanto o Bayern. Contudo, neste século, o torneio já teve cinco campeões (Bayern de Munique, Borussia Dortmund, Werder Bremen, Stuttgart e Wolfsburg). Nenhum dos grandes torneios europeus tem essa variedade de campeões. Na Espanha foram 4 (Real Madrid, Valencia, Barcelona e Atlético de Madri); Na Itália foram 4 (Juventus, Milan, Internazionale e Roma); Na Inglaterra foram 4 (Manchester United, Arsenal, Manchester City e Chelsea); e em Portugal foram 4 (Boavista, Sporting, Porto e Benfica).

Apenas na França tiveram mais campeões que na Alemanha. Neste século, o Francês teve 7 campeões (Nantes, Lyon, Bordeaux, Olympique de Marselha, Lille, Montpellier e PSG).

Veja os principais contratados de fora para o Campeonato Alemão 2015/2016:

Augsburg

Daniel Opare, do Porto-POR

Piotr Trochowski, do Sevilla-ESP

                                     

Bayer Leverkusen

Charles Aránguiz, do Internacional

Bayern de Munique

Arturo Vidal, da Juventus

Douglas Costa, do Shakhtar Donetsk-UCR

Borussia Mönchengladbach

Andreas Christensen, do Chelsea-ING

Thorgan Hazard, do Chelsea-ING

Colônia

Frederik Sörensen, da Juventus-ITA

Hamburgo

Albin Ekdal, do Cagliari-ITA

Lewis Holtby, do Tottenham-ING

Hannover

Mevlüt Erdinc, do Saint Étienne-FRA

Hoffenheim

Joelinton, do Sport

Kevin Kurányi-ALE, do Dínamo Moscou-RUS

Fabian Schär, do Basel-SUI

Mainz

Fabian Frei, do Basel-SUI

Schalke 04

Matija Nastasic, do Manchester City-ING

Stuttgart

Emiliano Insúa, do Atlético de Madri-ESP

Werder Bremen

Aron Jóhannsson, do AZ Alkmaar-HOL

Wolfsburg

Josuha Guilavogui, do Atlético de Madri-ESP