Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Como assistir a Defensa y Justicia x Santos pela Libertadores

Em busca do tetracampeonato, clube brasileiro estreia na competição em Buenos Aires, às 19h15

Por Da Redação Atualizado em 3 mar 2020, 19h13 - Publicado em 3 mar 2020, 11h52

O Santos estreia na Copa Libertadores de 2020 nesta terça-feira, a partir das 19h15 (de Brasília) diante do Defensa y Justicia, da Argentina, no Estádio Norberto Tomaghello, na grande Buenos Aires. O duelo será transmitido em TV fechada pelo Fox Sports e terá descrição, lance a lance, no site de PLACAR.

Tabela completa da Copa Libertadores 2020

O clube brasileiro vive fase irregular: não vence e nem marca gols há três partidas e o trabalho do técnico português Jesualdo Ferreira já começa a ser questionado. Por outro lado, o Defensa y Justicia não perdeu desde que o ex-atacante Hernán Crespo assumiu o comando do time, em janeiro: são três vitórias e três empates em seis partidas. Na última delas, o time empatou com o River Plate em 1 a 1, fora de casa.

“Temos todos os ingredientes para uma noite inesquecível. O desafio, obrigação e nossa responsabilidade de estar à altura desse evento. Será uma noite hist��rica. Agradeço ao clube por me dar a possibilidade de guiar essa equipe”, afirmou Crespo, que brilhou como jogador pela seleção argentina e clubes da Itália e venceu a Libertadores de 1996 como revelação do River Plate. Os cerca de 20.000 ingressos para a partida estão esgotados.

  • O clube argentino tem como principal destaque o meio-campista Nery Cardozo, de 33 anos, campeão da edição de 2007 pelo Boca Juniors. Outros pontos fortes do elenco são Ruben Botta e Juan Lucero. O Santos tem os desfalques de Marinho e Alison, lesionados, e aposta em dois estrangeiros: o uruguaio Carlos Sánchez e o venezuelano Soteldo.

    Prováveis escalações:

    Defensa y Justicia: Unsaín; Breitenbruch, Rodríguez, Martínez e Duarte; Botta, Benítez, Cerro e Cardozo; Pizzini e Lucero. Técnico: Hernán Crespo.

    Santos: Éverson; Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Diego Pituca, Carlos Sánchez e Evandro; Soteldo, Eduardo Sasha e Yuri Alberto. Técnico: Jesualdo Ferreira.

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade