Clique e assine com até 92% de desconto

Chelsea vai às compras e dá a Lampard um time para brigar em 2021

Segunda temporada do ídolo como técnico terá reforços de vários jogadores cobiçados no futebol europeu; Thiago Silva foi o último craque anunciado

Por Alexandre Senechal Atualizado em 3 set 2020, 10h59 - Publicado em 28 ago 2020, 13h55

Após uma temporada sem poder contratar – graças a uma punição sofrida pela Fifa por registrar irregularmente 29 jogadores estrangeiros menores de idade –, o Chelsea aproveitou o fim da proibição e é o time europeu que mais se destacou no mercado até agora. O técnico Frank Lampard, um dos maiores ídolos do clube e técnico há um ano, trouxe reforços cobiçados pelos grandes times do continente e está montando uma equipe capaz de brigar por título. A última novidade foi a chegada do zagueiro brasileiro Thiago Silva, ex-Paris Saint Germain, anunciado nesta sexta-feira, 28.

Ainda em fevereiro e já pensando na próxima temporada para voltar a lutar pelo título do Campeonato Inglês, o Chelsea anunciou a contratação de Hakim Ziyech. Os Blues pagaram 40 milhões de euros pelo atleta de 27 anos nascido na Holanda, mas que defende a seleção do Marrocos. Ziyech foi um dos destaques do Ajax na Liga dos Campeões 2018/2019, quando a equipe perdeu a vaga na final para o Tottenham com um gol do brasileiro Lucas Moura no último lance.

O segundo a chegar foi Timo Werner. O atacante de 24 anos era especulado em outros grandes clubes da Europa, como o Bayern de Munique, atual campeão da Liga dos Campeões. O alemão, entretanto, decidiu deixar o país. O Chelsea pagou 53 milhões de euros pelo atacante com 32 gols na temporada e ganhou a briga pelo jogador. Com a transferência, Werner nem atuou pelo RB Leipzig na histórica campanha da equipe semifinalista da Champions.

A preocupação não foi só com o ataque. O Chelsea sofreu 54 gols na última Premier League, a maior marca entre os dez primeiros colocados do campeonato, e foi buscar três nomes para a defesa. Além de Thiago Silva, que chegou sem custos do PSG em um contrato de um ano – que pode ser estendido por mais um –, o clube pagou 50 milhões de euros para o Leicester para contratar o lateral-esquerdo inglês Ben Chilwell, de 23 anos, e trouxe a promessa do Nice Malang Sarr. Os Blues já anunciaram, porém, que o francês de 21 anos (zagueiro, mas que também pode atuar na lateral-esquerda), será emprestado.

Hakim Ziyech e Timo Werner já treinam com o elenco do Chelsea – Chelsea FC/Reprodução

Durante sua primeira temporada no banco do Chelsea, Lampard encontrou um cenário diferente. Desde que o bilionário russo Roman Abramovich comprou o clube em 2002, os investimentos na montagem da equipe foram altos e os jovens não tiveram muito espaço. Com a punição, o ídolo e agora treinador não pôde contratar e passou a dar espaço para jogadores oriundos das categorias de base.

Entre eles, o meia Mason Mount foi o que mais atuou. O inglês de 21 anos trabalhou com Lampard na segunda divisão do Campeonato Inglês emprestado ao Derby County, na primeira experiência do ex-jogador como técnico, e impressionou – o clube perdeu a final do playoff para o Aston Villa e não subiu. Mount acabou como titular do Chelsea na chegada de Lampard e atuou em 37 das 38 partidas da Premier League. Marcou sete gols e deu cinco assistências.

  • Tammy Abraham, de 22 anos, foi o artilheiro da equipe no Campeonato Inglês com 15 gols marcados. Outros jovens que ganharam minutos na equipe titular foram o zagueiro Fikayo Tomori e o lateral-direito Reece James. Com tantas contratações para a próxima temporada, será difícil os jovens terem tanto espaço novamente.

    E as contratações não devem parar por aí. De acordo com a imprensa inglesa, o Chelsea é o favorito para também ganhar a briga por Kai Havertz, meia-atacante alemão de 21 anos, destaque do Bayer Leverkusen – e outro com muito mercado nesta janela de transferências. O torcedor está animado.

    ASSINE VEJA

    A esperança dos novatos na bolsa Leia nesta edição: a multidão de calouros no mercado de ações, a ‘lista negra’ de Bolsonaro e as fraudes na pandemia
    Clique e Assine

    Assine DAZN | 30 dias grátis para curtir os maiores craques do futebol mundial ao vivo e quando quiser!

    Continua após a publicidade
    Publicidade