Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Cavani perde pênalti, mas Neymar marca e PSG vence

Atacante brasileiro abriu o caminho para o triunfo do Paris Saint-Germain. Cavani também marcou

Por Da Redação 29 nov 2017, 20h51

Sem Mbappé, Daniel Alves e Rabiot entre os titulares, e com Thiago Silva vestindo a braçadeira de capitão pela 200ª vez, o Paris Saint-Germain encontrou mais dificuldades do que esperava para vencer o Troyes por 2 a 0, com gols de Neymar e Cavani, nesta quarta-feira. A partida foi válida pela 15ª rodada do Campeonato Francês, sendo disputada no Parque dos Príncipes.

Com a vitória, o clube de Paris conseguiu manter o 100% de aproveitamento em seus domínios pela disputa, além de aumentar sua vantagem na liderança da competição. Entretanto, nem tudo foi positivo para os parisienses na partida. Na sequência da polêmica entre Neymar e Cavani sobre quem cobra os pênaltis da equipe, desta vez foi o uruguaio quem bateu e acabou desperdiçando a oportunidade.

O Paris Saint-Germain permanece na liderança isolada da competição, com 41 pontos, em uma campanha de 13 vitórias e dois empates, aumentando a diferença para o segundo colocado, que agora é de 10 pontos. Por outro lado, o Troyes termina essa série de jogos na 12ª colocação, com 18 pontos conquistados.

Na rodada seguinte, o PSG tem uma tarefa considerada fácil. Fora de casa, o time de Unai Emery enfrentará o Strasbourg, que está na parte de baixo da tabela, às 14h (horário de Brasília) deste sábado. Já o Troyes recebe o Guingamp, no mesmo dia, às 17h (horário de Brasília).

  • O jogo – Como esperado, o primeiro tempo foi de dominância do Paris Saint-Germain. Jogando em casa contra um adversário tecnicamente mais fraco, os comandados de Unai Emery foram para cima e mantiveram-se no controle da posse de bola durante todo o período.

    Continua após a publicidade

    Entretanto, isso não se traduziu em gol durante a etapa inicial. Mesmo com praticamente todo o time no campo ofensivo, e contando com boas chegadas de Di María, Cavani e Verratti, o PSG não conseguiu balançar as redes na etapa inicial.

    Aos 40 minutos, o juiz assinalou pênalti para o PSG, após Cavani ser puxado dentro da grande área. O próprio uruguaio foi para a cobrança, mas o o goleiro do Troyes defendeu.

    Nos primeiros 20 minutos do segundo tempo, o Paris Saint-Germain continuava na pressão, enquanto o Troyes apostava nos contra-ataques. Após as entradas de Mbappé e Rabiot, nos lugares de Di María e Lo Celso, respectivamente, o PSG passou a pressionar ainda mais. Até que aos 27 minutos, depois de um bate e rebate na área, a bola sobrou para Neymar, distante da grande área. O atacante brasileiro limpou a defesa e bateu forte, cruzado, sem chances para o goleiro Samassa.

    Neymar, do PSG, comemora seu gol contra o Troyes, pelo Campeonato Francês Benoit Tessier/Reuters

    Com o gol, os visitantes foram atrás empate, mas a qualidade técnica do PSG foi o suficiente para segurar sua vantagem, saindo com a vitória no confronto e tendo ainda tempo de marcar mais um gol.

    Após receber passe em profundidade, Neymar arrancou em velocidade e carregou a bola dentro da área, encontrando Cavani livre para chutar com força e definindo o marcado para o PSG.

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade