Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
CLIQUE E RECEBA A REVISTA EM CASA A PARTIR DE R$14,90/MÊS Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90

Campeã paulista de 1986, a Internacional de Limeira não consegue sair da A3

Time está na série A3 desde 2011

Por Paulo Octávio Atualizado em 2 mar 2017, 16h51 - Publicado em 31 ago 2016, 16h17

Em tempos de chegada do ‘pequeno’ Audax a uma final de Campeonato Paulista, é impossível não se lembrar da primeira grande surpresa ocorrida nessa competição. 

Há exatos 30 anos, a Internacional, da cidade de Limeira, a cerca de 150 km da capital, conquistou o título paulista, o primeiro de uma equipe do interior do estado.

Em 1986, o time liderou as duas primeiras fases, superou o Santos nas semifinais e conquistou o campeonato superando o Palmeiras na grande final, em dois jogos no Morumbi, com empate sem gols na primeira partida e vitória por 2 a 1 no jogo decisivo. Após essa conquista, apenas em quatro oportunidades, equipes de fora da capital, excetuando o Santos, levantaram a taça, o Bragantino (1990), Ituano (2002 e 2014) e o São Caetano (2004).

Atualmente o Leão, como também é conhecida a Inter, não vive um bom momento e completa 11 anos distante da elite do Campeonato Paulista – sua última participação aconteceu em 2005 quando terminou na última colocação. Três anos depois encerrou a A2 na vigésima colocação, caindo para A3, onde está até hoje, após queda para a série B em 2009 e acesso em 2010. De 2011 a 2015 a equipe conseguiu a vaga para a segunda fase da competição, mas não conseguiu o acesso.

Este ano, o time escapou da queda para a quarta divisão estadual na última rodada com uma vitória diante do Primavera, de Indaiatuba. Terminou a série A3 com 25 pontos, dois a mais que o São José, o primeiro rebaixado.

O desânimo da torcida com a equipe é grande. De acordo com os boletins financeiros publicados pelo site da Federação Paulista, o público total nos dez jogos da Inter em casa foi de 4.058 torcedores, uma média de 405,8 por jogo, mesmo com a implantação do sócio-torcedor, que oferece uma série de vantagens.

A partida que atraiu a maior atenção foi a derrota para o Noroeste, por 3 a 2, na 14ª rodada, quando foram vendidos 655 ingressos. Embora tenha sido convidada pela Federação Paulista para ingressar na Copa Paulista, o clube preferiu não participar. Com isso, só voltará a campo no ano que vem.

Continua após a publicidade
Publicidade