Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Brasileiro marca de bicicleta e garante hexa da Liga Europa para o Sevilla

O zagueiro Diego Carlos anotou o gol decisivo na vitória do time espanhol sobre a Inter de Milão, por 3 a 2

Por Da Redação Atualizado em 23 ago 2020, 10h56 - Publicado em 21 ago 2020, 17h55

O Sevilla venceu a Inter de Milão por 3 a 2, nesta sexta-feira, 21, na Alemanha, e se sagrou campeão da Liga Europa. O time espanhol levantou sua sexta taça de campeão e ampliou seu domínio na competição, além de ter mantido os 100% de aproveitamento em finais do torneio.

O primeiro tempo foi equilibrado, com cada equipe marcando duas vezes. O clube italiano saiu na frente logo aos cinco minutos, quando o atacante Romelu Lukaku converteu um pênalti. Aos 12 e aos 33 minutos, o atacante Luuk De Jong levou a melhor no jogo aéreo e virou a partida para o Sevilla, mas o zagueiro Diego Godín anotou um gol de cabeça e empatou o jogo aos 35.

O Sevilla voltou melhor para o segundo tempo e criou mais oportunidades, mas o gol só saiu aos 29 minutos, quando zagueiro Diego Carlos acertou um chute de bicicleta. A bola ainda bateu no belga Lukaku, que tentou tirar, mas acabou mandando contra as próprias redes. Herói da conquista, o brasileiro se recuperou depois de ter cometido três pênaltis, um nas quartas, um na semi e um na final contra a Inter.

Maior campeão do torneio, o Sevilla ganhou suas seis taças já na “era Liga Europa” – a competição tinha o nome de Copa da Uefa entre 1972 e 1997. O time espanhol tem o dobro de títulos em relação aos quatro times que ocupam a segunda colocação: Liverpool, Juventus, Atlético de Madri e a própria Inter de Milão, adversária nesta sexta-feira. Os italianos venceram suas três taças nos anos 1990 – duas da Copa da Uefa, além de a primeira versão da Liga Europa, em 1998.

Assine DAZN | 30 dias grátis para curtir os maiores craques do futebol mundial ao vivo e quando quiser!

Continua após a publicidade
Publicidade