Clique e assine com 88% de desconto

Brasileirão: Fluminense e Chapecoense fazem jogo de seis gols

Com gol polêmico catarinense e empate nos acréscimos, equipes ficam no 3 a 3 no Rio de Janeiro

Por Da Redação - Atualizado em 3 jul 2017, 22h58 - Publicado em 3 jul 2017, 22h49

Com lance polêmico e empate nos acréscimos, Fluminense e Chapecoense empataram em 3 a 3 na noite desta segunda-feira no fechamento da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Rio de Janeiro. A partida disputada no Estádio Giulite Coutinho teve um gol catarinense contestado pelo adversário, e pressão carioca nos minutos finais.

O Fluminense abriu o placar logo aos dois minutos de jogo com Richarlison, mas levou a virada com gols de Rossi aos 15 e de Arthur Caike aos 41 da etapa inicial. A equipe carioca igualaria o marcador aos 24 do segundo tempo com Pedro. Doze minutos depois, aconteceria o lance mais polêmico do jogo.

Aos 36 minutos, Arthur Caike cabeceou, e o goleiro Júlio César fez a defesa. No entanto, a equipe de arbitragem considerou que a bola cruzou a linha da meta, o que gerou protestos nos jogadores do Fluminense. Nem mesmo as imagens da televisão esclareceram se foi gol ou não.

No fim do jogo, a equipe carioca pressionou e chegou ao empate nos acréscimos, aos 47 minutos, com Marcos Júnior. Com o resultado, o Fluminense ocupa a sétima posição no Campeonato Brasileiro, com 16 pontos. Já a Chapecoense está em 15º lugar, com 14.

Publicidade