Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasil vai bem sem Neymar; mas quem sai para dar lugar a ele?

Renato Augusto parece ter ido definitivamente para a reserva, e Willian e Fernandinho ganharam moral com Tite. Na Copa, só haverá lugar para um deles

Enfrentar o “fantasma” da Alemanha, na casa do adversário e sem contar com a sua principal estrela não causou à seleção brasileira nem um pouco do pânico que tinha dominado a equipe na semifinal da Copa do Mundo de 2014, quando Neymar também foi desfalque por lesão. Desta vez, demonstrando desempenho coletivo bem mais consistente e força mental, o Brasil fez um duelo equilibrado com os alemães e venceu por 1 a 0, nesta terça-feira, em amistoso no Estádio Olímpico de Berlim.

O jogo mostrou que o técnico Tite ganha mais opções para armar a equipe no Mundial da Rússia, o que gera um uma boa dúvida na cabeça do treinador. Quem deve sair do time quando Neymar se recuperar e voltar a atuar? Pelo panorama atual, os meio-campistas Fernandinho, Renato Augusto e Willian brigam por apenas uma vaga entre os titulares.

Em ótima fase no Chelsea, o meia Willian ganhou espaço na seleção e começou atuando nesses dois últimos amistosos, contra Rússia e Alemanha. Com intensa movimentação e jogando pela ponta, ele teve bom desempenho e ainda deu a assistência para o gol de cabeça de Gabriel Jesus diante dos alemães.

Também no Campeonato Inglês, o volante Fernandinho tem chamado atenção com a camisa do Manchester City. Nesta terça, ele foi titular em Berlim e ajudou a deixar o meio-campo brasileiro mais sólido, marcando bem ao lado de Casemiro e Paulinho, apesar de ter aparecido pouco na frente.

Já Renato Augusto, antigo dono de um lugar entre os 11, ficou no banco de reservas nas duas partidas e entrou em campo no segundo tempo apenas contra os russos. Jogando no Beijing Guoan, da China, o meia continua sendo uma peça de confiança de Tite na seleção, mas parece ter perdido a vaga na equipe titular.

Na vitória sobre a Rússia por 3 a 0, na última sexta-feira em Moscou, Douglas Costa foi testado desde início do jogo. Diante da Alemanha, o atacante do Bayern de Munique entrou na segunda etapa e ficou mais próximo de se garantir na lista de convocados da Copa de 2018, vencendo a concorrência de Taison. Douglas, porém, será opção no banco em um time que já terá como titulares na frente Neymar, Gabriel Jesus e Philippe Coutinho.

Mesmo sendo um amistoso e diante de uma Alemanha que não contou com força máxima e fez seis alterações durante a partida, é fato que a atuação desta terça-feira em Berlin comprova que a seleção brasileira vai entrar na Copa da Rússia, que começa daqui a menos de três meses, credenciada como uma das favoritas ao título. Com ou sem Neymar.

Após a partida, o zagueiro Thiago Silva exaltou as qualidades de Neymar, mas viu o lado positivo de atuar sem o camisa 10. “Eu acho que qualquer equipe que o Neymar jogue vai ser dependente dele. É um dos três melhores do mundo, na minha visão, e faz falta para qualquer equipe. Mas não ter o Neymar hoje foi um ponto positivo, para a gente consolidar tudo aquilo que nós queríamos, jogar sem ele.”

O craque do Paris Saint-Germain ainda se recupera de fratura no quinto metatarso do pé direito e só deve voltar a jogar em maio, uma mês antes do início do Mundial. O atacante é a principal esperança do Brasil para conquistar o hexa na Rússia, mas o trabalho de Tite mostrou que atualmente a força coletiva pode levar o time ao triunfo mesmo se tiver um desfalque indesejado.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. hildo molina

    o futebol dele até que vai, mas o caráter é o problema, barcelona melhorou sem ele, seleção melhorou sem ele, ele pode até servir para equipes médias como era no santos mas onde tem bons jogadores ele atrapalha. que fique fora, está muito bom assim.

    Curtir