Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
CLIQUE E RECEBA A REVISTA EM CASA A PARTIR DE R$14,90/MÊS Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90

Brasil ‘perde’ duas vagas na Copa Sul-americana

País passará a ter seis classificados diretos na primeira fase do torneio

Por Redação PLACAR Atualizado em 2 mar 2017, 16h52 - Publicado em 3 out 2016, 10h46

Além das mudanças na Copa Libertadores, a Copa Sul-americana também teve mudanças para 2017. O Brasil, que tinha oito vagas, passa a ter seis, mais os possíveis eliminados na Copa Libertadores.

Além do campeão da Copa do Nordeste de 2017, o campeão da Copa Verde de 2016, o Paysandu, já têm vagas garantidas. Os outros quatro deverão vir da série A do Campeonato Brasileiro. Não se sabe se a CBF mudará a forma de classificação com relação à Copa do Brasil. Neste momento, os clubes que chegam às oitavas do torneio, não podem disputar a Sul-americana. Resta saber se isso mudará, por conta das novas regras da Conmebol.

Caso não mude, clubes da série B também poderão disputar o torneio sul-americano.

Além do Brasil, a Argentina também terá seis vagas na primeira fase da competição. Os outros países todos terão quatro vagas. 

Na primeira fase, essas 44 equipes se enfrentam em um duelo mata-mata. 22 se classificam para a segunda fase, em que se juntam com dez times que vêm da Copa Libertadores para a sequência do torneio, em mata-mata, até a final.

Dos times que vêm da Copa Libertadores, oito são os terceiros colocados na fase de grupos. Já os outros dois serão os times mais bem classificados eliminados na pré-Libertadores.

Continua após a publicidade
Publicidade